terça-feira, 29 de janeiro de 2008

A Guerra da APIC...

Alguns pontos merecem uma discussão mais aprimorada no assunto do momento...
Desde que o jornal O Globo repercutiu a destinação de uma emenda no Orçamento da União, de cerca de 1,7 milhão para a APIC, autoria do deputado federal Arnaldo Vianna várias questões permanecem obscuras...
Afinal, a APIC é ONG ou órgão da administração indireta do município? Se é entidade do terceiro setor, uma ONG, a forma como a PMCG destina recursos, através de rubricas orçamentárias, está, no mínimo, equivocada...
A ex-primeira dama Ilsan pode doar dinheiro para campanha eleitoral de quem bem entender, está na Lei...Verifique-se a origem do dinheiro...Em sua entrevista na Pholha Arco-Íris ela lista uma série de providências a serem adotadas com o dinheiro:
1-Construção de ginásio????
E o ginásio da AABB????
2-Microônibus???
A APIC não pode solicitar a PMCG um dos muitos disponíveis?
Outra questão: se a APIC é uma ONG, mas tem como fonte de recursos, exclusivamente, o erário, como são feitas as compras? Licitação?
A APIC tem anos e anos de bons serviços prestados, uma tradição construída pelo esforço dos funcionários...E ao que parece a turma do Jaleco Branco conseguirá afundar tal história na lama...

Nenhum comentário: