quinta-feira, 31 de janeiro de 2008

A terra do nunca....

O Peter Pan da lapa, o menininho que insiste em não crescer, também conhecido como Napoleão, juntou com sua Wendy Cor de Rosa e dispara análises e "sentenças", tal qual um "justiceiro" da moral e bons costumes...Até hoje, não foi esclarecido o caso do Capitão Gancho...Não ficou provado se foi o Ururau da Lapa que comeu a mão do pirata, ou foi arrancada pela polícia do então Coronel Peter Pan...
Agora, posa de "especialista" de tudo...De unha encravada a combustível de foguete, o Peter Pan fala sobre tudo e todos...É uma maneira eficaz de fazer com que as pessoas esqueçam o que ele e sua turma, os garotos perdidos, aprontaram na "terra do nunca"...
Em seu caderninho "diário" de figurinhas e colagens, o Peter Pan da Lapa diz que a polícia fez Don Cabral de refém...Ora, ora, não basta criticar, tem que saber como e porque...O Governador não está refém da polícia, e sim da "idiotice" de seu "xerife", a qual ele agora tem que referendar, até que ache outro "trouxa" para segurar essa "banana"...

Nenhum comentário: