quarta-feira, 26 de março de 2008

A CPMF e a Dengue...

O comentário do leitor Gustavo Rangel me fez lembrar de um dado importante, noticiado ontem, quase em sussurro pela reportagem acerca do recrudescimento da epidemia de dengue no RJ...
O fim da CPMF provocou um corte de 14 milhões, ou seja 49% da verba disponível para o controle de endemias no Estado do RJ...
Discussões sobre a natureza ou justiça da cobrança, esse é um fato, contra o qual não há argumentos...
Qualquer dono de boteco sabe, e os empresários e a elite, junto com o PIG e o demo-tucanato também, que cessada a receita, faltará recurso para pagar as contas...
Não adianta tentar impor a versão de que sobram recursos advindos de outras fontes, como o aumento de arrecadação...
Eles sabem, e qualquer estagiário de administração e contabilidade também que não se misturam as receitas num grande caixa único...cada insumo corresponde a uma rubrica diferente no orçamento...de uma empresa ou de um governo...
Mudanças bruscas causam estragos e paralisações...
Foi o que aconteceu com a CPMF...
É claro que o governo recomporá seu caixa com outras receitas, mas de imediato, o estrago foi feito...
E aí, a morte de brasileiros valeu essa disputa...?

4 comentários:

Anônimo disse...

Desculpe-me Xacal, sou (era) a favor da CPMF, mas ela acabou de ser extinta... as consequencias (não sei quais serão, pois depende das escolhas dos decisores) virão bem mais a frente.

Grande abraço,

Anônimo disse...

Aliás, seria bom que vc recuperasse os discursos da oposição contra a CPMF para revermos os efeitos positivos da extinsão. Disseram que os preços iriam despencar... que a produção ser desonerada... etc e tal. A CPMF foi extinta, onde foram parar as previsões da oposição?

Grande abraço,

Anônimo disse...

Extinção ficaria melhor com "ç", rs,rs,rs... mas o núcleo do argumento não foi prejudicado,,,, rs,rs,rs...

O que eu quero dizer é que a oposição venceu. E as consequencias são de sua responsabilidade. Agora temos que cobrar as consequencias positivas! Elas foram parar? No meu bolso não foi.

Grande abraço,

xacal disse...

Tens razão...
Mas não adianta, nós somos governo, e sobre o governo é que desabam as tragédias sociais...E pior, sobre os mais pobres...
Nosso papel faremos, denunciar, mas não se esquça, que pauta o PIG é o demo-tucanato...e vice-versa...
Quanto aos núemros, saíram do próprio PIG e da Globo...
Mas creio que os cortes já começaram, sob forma do famoso "contingenciamento preventivo"...