sábado, 19 de abril de 2008

Democracia manchada....!

É preciso que os defensores do ALLKAYDE entendam que Democracia não é só a formalidade do depósito de votos em urnas, como uma expressão de maiorias, às vezes tão pobres em sentido político, que pouco contribuem para a execução de medidas de interesse coletivo...
Democracia tem um sentido muito mais amplo, e também é o direito das minorias a voz, interlocução e intervenção no processo politico, sob pena de impedir a alternância de poder, que na verdade, é um dos fatores que permite a ventilação de regimes democráticos...
Dez pessoas numa sala, oito nazistas e dois judeus...em um sufrágio, os nazistas por maioria dos votos, resolvem incinerar os judeus...vontade da maioria..? Sim...Democracia...? Nunca...
O que ocorre hoje em Campos dos G., é uma demonstração de como se apoderar e aparelhar dos instrumentos de Estado para sufocar qualquer tentativa de intervenção das minorias...
Em países que sustentaram tais situações, a saída foi a ruptura institucional...
Não é o nosso caso, pois creio que ainda persistem os meios, muito enfraquecidos é verdade, de expressão das minorias, que representam, sem dúvidas, a possibilidade de reconstrução de nosso tecido social...
A sanha dominadora dos royalties, manipulados para reproduzirem uma falsa imagem de apoio popular, é a confissão de que essas forças, hoje hegemônicas, não sobrevivem sem esse instrumento poderoso, por isso, e só por isso, lutam de maneira tão desesperada pelo seu controle...
Uma pergunta: Se o ALLKAYDE ou Arnaldo, ou Garotinho são tão "populares" e bons de voto, porque hesitam tanto em demitir todos os terceirizados...?
A chantagem pseudo-humanista, que procura justificar a permanência do atual estado de coisas, nada mais é do que a única possibilidade de permanência desses grupos no poder...esse é o vínculo que mantém com sua suposta "base" popular...
Por que tanto zelo em ocupar todas as instâncias dos meios de comunicação...?
Para vender uma imagem diferente da realidade...
Por que resistir tanto a investigação dos fatos, se nada temem...?
Porque o modelo que implementam não é o justo, que dá condições a todos, inclusive oposição de lutar pelo poder em condições equiparadas...
Essa democracia de fachada nada mais é do que a ditadura da bu(rr)ocracia estatal, que a todos domina, pela cooptação ou pela asfixia...

4 comentários:

Gustavo Rangel disse...

Valeu xacal pelos elogios e post lá no roberto. Se Ricardo André e Roberto Moraes foram fontes de inspiração, seu blog faz parte das minhas leituras diárias e admiração por um texto claro e direto, sem rodeios e xurumelas. Abração!!!

xacal disse...

hasta la victoria, siempre!

Anônimo disse...

lendo seu post e me dou conta do quanto asfixiante pode ser a cooptação... aquele que se deixa cooptar o faz por falta de opção ou de caráter? não sei dizer...estou tão cansado dessa situação que invejo a clareza dos seus argumentos. Bravo!

xacal disse...

Caro kavafis,

Esse é o dilema...

A cooptação produz uma confusão entre sobrevivência e cumplicidade, que nos faz hesitarmos em adotar práticas republicanas, e antídotos eficazes...

Veja só a chantagem que a quadrilha agora utiliza para manter os cúmplices/vítimas nos lugares onde estão...

Toda mudança é dolorosa, mas imagine que do outro lado existem milhares que não cederam, e vão fazer concurso amanhã, e até encontraremos terceirizados entre eles, o que mostra que a formalidade pública, critérios igualitários funcionam até para "recuperar" quem estava no lado "errado"...

Entre me solidarizar com aqueles que usurparam, por necessidade ou por ganância, cargos públicos e os alijados, fico com os últimos, ainda que leve em conta que foram alijados por não contarem com "vínculos" que os alçassem a condição que almejavam e invejavam...

É preciso fazer cumprir a Lei para que valha à pena ser honesto....