sexta-feira, 18 de abril de 2008

O hiato entre a Justiça e a legitimidade...

Questões técnicas jurídicas são, como todas as outras, sempre são influenciadas por aspectos políticos e interesses alheios a impermeabilidade das decisões judiciais...
Acreditar na imparcialidade do judiciário é crer na imparcialidade da imprensa...
Independentemente dos vínculos de parentesco dos advogados do ALLKAYDE com um ministro do STJ, o que já colocaria sob desconfiança a decisão prolatada, há de considerar que ao delegar a Justiça, e ou a Polícia ou MP, decisões que são inerentes ao processo político, cria-se um ambiente pernicioso, tanto para o exercício das atividades da sociedade civil, quanto para o desenrolar das ações do aparato judicial....os dois saem chamuscados, e desacreditados...
O sentimento que impera nesse momento é um misto de frustração e surpresa...
No entanto, para quem enxerga esse jogo através das suas nuances, não há surpresa, nem frustração...delegamos ao judiciário (assim minúsculo como a decisão exarada) tarefas que eram nossas...a decisão pode pender para o lado que tiver os melhores "motivos"...

PS: dá ânsias de vômito o frenesi dos "caolhos" que sepultaram qualquer resíduo de cobertura jornalística em favor de comportamento de "torcida organizada"....blearghhhhh!!!

Nenhum comentário: