sexta-feira, 25 de abril de 2008

O prefeito oco...

Se a intenção do STJ era preservar a democracia, e a decisão sufragada nas urnas, o efeito pode ser inverso...

Está claro para qualquer um de bom senso que o mandato de ALLKAYDE MACABRO carece de dois elementos fundamentais, que se cruzam e confundem: legitimidade e autoridade...

Imagine o profissional concursado da PMCG cumprir ordens de um mandatário ao qual não reside mais nenhum resto de respeito ou capacidade de impô-lo...

Como encarar um prefeito que não pode fazer dispor de seus bens, e cujos principais acessores ainda permanecem presos...?

Como falar: sim senhor, para quem não reúne o mínimo de condições de ouvir ou exigir essa obediência...?

Como confiar em alguém que leva mulher e filha para colorir de drama sua situação...?

Parece o criminoso que encurralado usa os seus como escudos e os faz reféns...

MACABRO se tornou refém útil aos mais variados interesses:

1-De bacellar, que sonha com sua cadeira, e virou avalista do seu retorno;
2-Do grupo folha, que já avisou que também deseja o papel de avalista e pautador das ações do governo;
3-De arnaldo popozão vianna, que manipulará seus contatos com a estrutura da máquina para viabilizar ou não o governo, em troca do apoio necessário a sua volta;
4-dos interesses do próprio MACABRO, que tentará a todo custo "limpar" sua carreira política, e embaraçar as ações de improbidade que pesam contra si.

O único interesse alijado nesse cenário terrível é o da comunidade...
Por fim a pergunta:

Quais homens ou mulheres de bem aceitariam estar ao lado desse governo...?

Enfim, temos nossa Rainha da Inglaterra...com carruagem prateada e tudo....!

Um comentário:

Anônimo disse...

Xacal,

Vc tocou no ponto nevrálgico: Mocaiber refém de meio-mundo. Acredito que os motivos vão muito além daqueles listados por vc. Refém de questões inefáveis (para ser elegante) e com força suficiente para fazer do "prefeito" um fantoche. Como sempre foi...