sábado, 19 de julho de 2008

Paz armada...

Nos tempos de guerra fria, o frágil equilíbrio geopolítico mundial era sustentado pela equiparação dos arsenais nucleares das grandes potências, e pelo poderio militar regular...

EEUU e ex-URSS mantinham uma paz mundial calcada no medo que cada país nutria do outro, e de um conflito que exterminasse a própria raça humana...

Mal comparando, esse é o clima da disputa eleitoral em Campos dos G..

As "duas superpotências" da corrida pela pmcg detêm um arsenal poderoso de denúncias contra o adversário...

Os últimos dias demonstraram que essa "guerra" pode vitimar a todos...! Perdeu garotinho e seu clã, e perdeu arnaldo e seu pupilo alexandre macabro....O desgaste provocado pelo tiroteio de acusações quase custou o capital político das duas famiglias que compõem o eixo de poder da cidade...

A possibilidade de um candidato outsider, com a força da novidade que a população desejava, uma vez que os eleitores demonstram fadiga pelo tsunami pós-11 de março, acendeu a alerta laranja nos quartéis-generais das campanhas: a extinção do inimigo poderia significar a morte de ambos...

Daí o clima quase cordial do início da disputa, com o afastamento prudente do capo garotinho...
O saldo do conflito é extremamente prejudicial: a arnaldo popozão melancia vianna custou a vice para o ex-pt, e a necessidade de manter alexandre macabro como peso morto ao seu lado, para desagravo da biografia do pupilo, estilhaçada pelo telhado de vidro...Para rosinha e garotinho custou também a cessão da vice a um nome "caseiro", e uma ligeira mudança de planos para a campanha ao senado e ao governo do estado...O casal de ex-governadores sofre a pior campanha de desgaste já vista, e perde o pouco capital político que lhe restava nesse pleito local: a bandeira da probidade...

Os sinais da "distensão" aparecem pouco a pouco, e são imperceptíveis a olho nú...A presença de rosinha nas páginas da folha não obedece um rito do bom manual do jornalismo...a folha nunca atentou para esse fato, a não ser que seus interesses estejam em jogo...

Houve um cessar de acusações no diário em relação a arnaldo, não pelo espaço dedicado a defesa de garotinho em relação aos seus próprios problemas, mas principalmente em razão de um "armistício", afinal mesmo feijó sendo candidato "laranja", ele não é bobo de deixar passar um cavalo selado da opinião pública cansada pelas ofensas e descrédito de arnaldo e rosinha...

Tudo isso demonstra que uma candidatura "não-alinhada", como uma via alternativa tinha grandes chances de vitória sobre os escombros políticos de criador/garotinho e criatura/arnaldo....

6 comentários:

Roberto Moraes disse...

Perfeita análise. Tentei na quarta-feira fazer análise parecida numa nota "Via aberta" que ficou confusa gerando até pedido de maiores explicações para seu entendimento. Esta aqui é clara e límpida, ao avesso do quadro político.

Abs,

Xacal disse...

obrigado, meu caro, indo do "pai do blogs" é um elogio e tanto...!

Xacal disse...

leia-se vindo onde está "indo"

Anônimo disse...

Existiria a possibilidade desse armistício se tornar união novamente?

Xacal disse...

tudo é possível...

Paulo Sérgio disse...

Assino em baixo do que Roberto Moraes disse. Um exercício de análise de conjuntura de rara profundidade. Uma pena não se ter reunido meios e grupos para uma candidatura de fato alternativa.