quinta-feira, 11 de setembro de 2008

Carne nova no pedaço...

Bom, com o chilique do Xacal, (bem que eu desconfiava) quem vai segurar as pontas aqui é seu amigo Kbrunco.
Primeiro, acabar com essa mania de escrever com reticências.
Outra coisa: nada de diminuir as pessoas com nomes com letra minúscula, até bandidos têm direitos.
Nada de apelidos, pois humor não é muito nosso forte.

Não somos tão experts em política como o Xacal, mas acho que não há muitas alternativas.
Pelo salário pago pela Trolha não dava para conseguir coisa muito melhor que esse amigo que vos escreve.

Ah! Dizem os fofoqueiros que Xacal queria dar um golpa à moda Jânio Quadros, mas acho que não vai funcionar.

Um abraço.
 

8 comentários:

Sagaz disse...

tomara que o A Trolha nessa mudança editorial não apresente o mesmo transtorno bipolar e se transforme numa 'trolha da manhã'

Kbrunco disse...

Nós estamos mais para distúrbio de déficit de atenção do que para a bipolaridade.

A forma pode mudar um pouco, pois como já dissemos, o Xacal tem estilo próprio.

Tentar imitá-lo soaria vulgar.

Mas tentaremos manter o conteúdo crítico.

Anônimo disse...

Kbrunco, seja bem vindo. Lamento a desistência provisória do meu redator chefe o Xacal. Quero continuar como correspondente de ATrolha aqui na baixada da égua e, nos finais de semana, aí em Campos. Quero saber se continuo como correspondente com a nova Editoria Chefe. Quanto à remuneração, sei que não vou receber nenhuma remuneração, porque sei da pindaíba que a redação de A Trolha passa, já que não tem verba da Prefeitura, mas continuar como correspondente já serve.

Um abraço,

Djahojinho.

Anônimo disse...

Seja bem vindo, kabrunco, continuo simpático à Trolha. Vou estar espiando sempre. Procure manter o tônus crítico e informativo do Xacal. Não se pode dar espaço a essa turma que pensa que a Prefeitura é deles e que o cofre municipal pode ser afanado.

Zé Bocudo

Kbrunco disse...

Djahojinho,

A contratação do Kbrunco é um reforço a sua atuação vigilante, e uma homenagem a baixada, e nossos conterrâneos...

Aí Zé, valeu pela força

Anônimo disse...

Fechado o convênio entre A Trolha, Eu penso que... e Urgente. Todos unidos para salvar da extinção o pobre Xacal. Vamos ver no que vai dar. Salve Garotinho! Salve Rosinha! Derrubamos mais um...
Vai tarde, Xacal.

Anônimo disse...

É ruim, hein?!!, Trolha neles, Kbrunco.


Garrotio (seu primo em 1º grau), residente em Caboio, próximo a São Martinho)

Anônimo disse...

Zé Bocudo a-do-ra andar com a Trolha na boca... guloso(a)... e, no mais, o número é... quinzeeeeeeeeeeeeeeeeeee!!!!!!!!!!!