domingo, 28 de setembro de 2008

Contagem regressiva...

Faltam exatos sete dias para o primeiro turno das eleições municipais...
Gostam os jornalistas de coleira de dizer que o pleito desse ano transcorre em clima de tranqüilidade...

Não é verdade, e cada qual dos sabujos da mídia local tem seus motivos para esconder o que se passa nos bastidores...Com o aumento da vigilância, os "embates" e negociações foram camuflados cuidadosamente...

Um dos fatos que passou "em branco" no PIG local é a intensa "traição" que corre solta nas coligações...Em 2004, salvo engano, não houve um movimento tão nítido de migração de candidatos a vereador...
Falam-se em milhões de motivos para selar tais relações "extra-conjugais"...

Outro fato relevante, que quase não foi percebido foi o movimento nas "cochias" dos órgãos de imprensa locais...Até agora páiram nuvens de suspeita sobre as mudanças em programas de rádio, como os caolhos da cidade, e a repentina guinada do jornal o diário, e da rádio do grupo, que mais parecem uma encenação de péssima qualidade, com os atores canastrões de sempre: o eterno "perseguido" garotinho napoleão, e outros "atores" coadjuvantes...
Tal qual Hitler, no incêndio do Reichstag(parlamento alemão) o napoleão da lapa é especialista em criar fatos para inverter os revezes: foi assim na ridícula greve de fome ( o caso das ongs, que agora se sabe, alimentaram o "apetite" do governo rosinha), e recentemente, foi assim na "invasão da secretaria de educação" no mandarinato relâmpago de rh...

Nenhum momento da história goitacá trouxe tanta instabilidade institucional, quanto o que vivemos a partir de 11 de março...
Afastamento de prefeito, prisão de assessores de primeiro escalão, listas escandalosas de ilegais, etc, etc...
No entanto, engana-se quem pensar que os episódios do telhado de vidro se encerram em si mesmos...Não...O telhado de vidro é o ápice, o desfecho da intensa polarização da disputa desses dois grupos políticos que nesses 20 anos se alternaram no poder... 

Nesse roldão, o principal jornal da região naufragou...Não resta qualquer traço de credibilidade nas páginas do hebdomadário...Mais um "pedaço" de democracia jogado no ralo...A liberdade de imprensa cedeu a liberdade da empresa...
A respeito do jornal o diário, não cabe nenhum comentário, pois sabemos que seu surgimento foi um contraponto a esse processo de partidarização da folha da manhã...Portanto, o jornal o diário, assim como tudo nessa disputa entre essas duas facções, é a outra face de uma mesma moeda...

Como cúmplice dessa cena trágica, a câmara de vereadores, que nessa legislatura conspurcou sua história, e transformou-se em uma casa de tolerância... Culmina sua vergonhosa atuação personificada na figura de seu presidente...Nada é mais simbólico, nenhuma figuar resume tão bem a câmara do que o chefe do legislativo local...É o homem certo no lugar certo...

Junto a isso tudo, a ameaça, quase certa, de alteração nas regras de distribuição dos royalties, motivada por interesses de outras forças políticas, mas principalmente, ocasionada pela nossa incapacidade em gerir esses recursos de forma eficiente e com probidade...
Daí nossa imobilidade em reagir...Não temos argumentos morais...Sabemos, em nosso íntimo, que "torramos" uma fortuna, e não conseguimos nenhum resultado digno...Só vergonha...!

Em resumo: esse ano, mais do que nunca, não há um setor, uma instância uma organização ou entidade representativa de peso que não tenha sido atingida pelos estilhaços do telhado de vidro, e os escândalos que dele derivaram...

advogados que defendem moralidade, com emprego ilegal e sem concurso, médicos que adoecem seu povo, empreiteiros que parasitam o erário, sociedade civil letárgica/cúmplice, partidos loteados, autoridades policiais e judiciárias sob suspeita, jornais domesticados, etc, etc...

Mas de tudo isso resta uma certeza: todo esse quadro se origina em um gesto simples...o voto...!

3 comentários:

Anônimo disse...

Na veia caro Xacal!! Concordo em gênero, número e grau. Pena que teremos mais quatro anos do mesmo grupo que nasceu em 1988 e se dividiu.

Anônimo disse...

ELEIÇÃO CONSCIENTE

"Eleitor tem que ter INDEPENDÊNCIA.
COMPRA de voto é VIOLÊNCIA.
Quem VENDE voto não tem CONSCIÊNCIA.
Voto não tem PREÇO! Tem CONSEQUÊNCIAS"

...

(http://br.youtube.com/watch?v=KCwTWtFbCaY)

Anônimo disse...

VALEU XACAL! TOTO MORBIDAMENTE SÓ
FICA EM CIMA DO MURO TISSANDO A QUADRILADA MAS DUVIDO QUE ELE COMENTE PARA OS HOMENS DE BEM
"CONTAGEM REGRESSIVA".