terça-feira, 16 de setembro de 2008

Trolha do leitor II.

Abaixo reproduzimos uma mensagem eletrônica enviada a redação da Trolha.

Com certeza, nuestro patron, o Xacal, ficará satisfeito com essa manifestação de apoio de seus leitores, e reforçará sua decisão de retornar nessa quarta-feira, 17/09.

Desde já o Xacal manda avisar ao leitor que os textos podem ser reproduzidos sem necessidade de qualquer autorização prévia.

"Quando deparei-me com a notícia de que o xacal, estava de férias, confesso que assustei-me um pouco e não hesitei em escrever esse e-mail, pedindo que retorne o mais rápido possível.

A Trolha é hoje, minha leitura diária, e um sucesso sem precedentes na blogosfera, o xacal um de seus redatores: o patron, como diz o kabrunco, é um exemplo de como um alto nível cultural pode andar de mãos dadas com a análise política usando de um humor refinado e seletivo, na medida em que muitas vezes recorremos aos dicionários ou a marcos históricos importantíssimos para situarmos na conjuntura do post e no seu entendimento, sendo assim, ganhamos duas vezes: enriquecemos culturalmente e nos divertimos.

Os posts clássicos: EXTRA!EXTRA!EXTRA, PAZ ARMADA, AS MELHORES, HOMENAGEM, A MORTE DA ELEIÇÃO, TEORIA KAFKANIANA, POÇO SEM FUNDO, FIM DE FESTA, GUERRA FRIA REQUENTADA, MUNDO SURREAL, CURTO-CIRCUITO, A TERCEIRA MORTE, A TROLHADA DO LEITOR, TROLHADINHAS, TROLHADAS CULTURAIS, são leituras obrigatórias, muito bem escritas e divertidíssimas. Estava pensando em pedir autorização para mimeografá-las e distribuir aos meus conterrâneos aqui na baixada campista.

Como numa guerra, na medida em que as batalhas são perdidas, os argumentos cessam, não sendo capazes de motivar a tropa, partimos para o arquétipo que é a última forma de motivar, e reverter à derrota eminente, mostramos a figura do herói que é um de nós, que resisti orgulhosamente durante a batalha, hoje o herói é o xacal, seus posts: a nossa voz, seu humor: a nossa arma, a sua reflexão: o nosso momento.

Nas palavras de Napoleão: “Vida longa aos meus inimigos, para que possam assistir de pé, a minha vitória”. Avante Xacal."

Nenhum comentário: