terça-feira, 14 de outubro de 2008

Conta salgada...

Os EEUU anunciarão, hoje, o aporte de US$250 bi para a compra de ações dos bancos estadunidenses, grandes e pequenos, bem como a garantia de 03 anos do empréstimos interbancários...

Esse volume de recursos já é parte do pacote bilionário de resgate do sistema financeiro (US$800bi), e procura...

A injeção de liquidez busca equilibrar o mercado, e cessar as grandes movimentações bruscas que se refletem em oscilações agudas nas bolsas...

Os prinicipais beneficiados por esse primeiro movimento do Tesouro estadunidense são:

Citigroup (Citibank) e JP Morgan Chase, com US$ 25 bi cada um; Bank of America (BofA) e Wells Fargo com US$ 20 bi cada, mais US$ 5 bi para as novas aquisições; Goldman Sachs e Morgan Stanley com US$ 10 bi cada; e por fim, Bank of New York e o State Street com US$ 2 bi a US$ 3 bi...

Os US$ 5 bi que o BofA e o Wells Fargo receberão, servirá para a aquisição dos bancos Merrill Lynch e Wachovia, respectivamente...

O contribuinte estadunidense começa a pagar o "mico"...

Fonte: USAToday, El País e NY Times.

2 comentários:

SUPER ENERGIA disse...

E que mico, um gorila! Mercado sem lastro, governo que gasta bilhões em guerras, protecionismo aos agricultores e pecuaistas....etc.

Xacal disse...

pois é...

o pior é que o resto do mundo vai junto...