quarta-feira, 15 de outubro de 2008

O peso da economia...


Os lastros da crise financeira estadunidense parecem arrastar a campanha do Senador John McCain cada vez mais para o fundo...

Sem ter como se desivincular do fato que é o candidato do governo bush, McCain tentou desesperadamente mudar de assunto, e partiu para o ataque ao Senador Barak Obama...

No repertório, as acusações de ligações com extremistas e dúvidas quanto ao patriotismo do candidato democrata...

Para fazer trabalho sujo McCain tirou a "focinheira" de sua candidata a vice, Sarah Palin, uma espécie de garotinho napoleão do Alaska...Fala de tudo e de todos, mas esquece o "próprio rabo"...

A governadora do Alaska, a cruzada da extrema-direita religiosa e furiosa, defensora do lobby das armas e da indústria do petróleo, parece que deu um tiro no pé de McCain...

As últimas pesquisas da CBS/New York Times apontam uma vantagem de 14 pontos percentuais de Obama em relação ao republicano...53% para Obama e 39% para McCain...

O eleitor e contribuinte estadunidense, devendo, com a ameaça de perder o emprego (se já não perdeu) e com uma baita recessão a caminho, não parece inclinado a dar atenção a assuntos superficiais, e ataques gratuitos...
Cada ofensa revela a fraqueza do candidato governista...
McCain representa um governo que "torra zilhões" de dólares em guerras inúteis, e que permite, com sua política monetária frouxa, o surgimento de um rombo colossal na economia, que sugará outros "zilhões"...Não parece um "cabo eleitoral" desejável...

O saldo da administração republicana é péssimo, e o eleitor/contribuinte parece disposto a mudar de rumo para apostar em uma melhora...

Como dizia Mao Tsé-Tung: "Não importa a cor do gato, desde que ele coma os ratos..."

Fonte: NY Times, El País.
Foto: NY Times.

2 comentários:

Anônimo disse...

Propaganda contra o Gabeira no Rio.E adivinha quem está envolvida?
http://eleicoes.uol.com.br/2008/ultnot/rio-de-janeiro/2008/10/15/ult6022u375.jhtm

Anônimo disse...

15/10/2008 - 17h53
TRE-RJ apreende mais de seis mil panfletos apócrifos contra Gabeira na zona norte
Diana Brito
Especial para o UOL Eleições
Do Rio de Janeiro
Equipes da fiscalização do TRE-RJ, Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro, apreenderam na tarde desta quarta-feira (15) uma Kombi com mais de seis mil panfletos apócrifos contra o candidato à Prefeitura do Rio, Fernando Gabeira (PV), na favela Fazenda Botafogo, em Coelho Neto, na zona norte da cidade. Dois casais também foram detidos. Segundo o coordenador estadual de fiscalização da propaganda do TRE, juiz Luiz Márcio Pereira, também foram encontrados dentro do veículo irregular material de campanha da vereadora eleita pelo PMDB, Clarissa Garotinho, além de folhetos do candidato a prefeito Eduardo Paes (PMDB).

"Embora os indícios sejam bastante veementes, não podemos afirmar quem seria o responsável por esse ato criminoso. Não vamos fazer nenhuma avaliação prematura. Quem foi, quem não foi, isso nós vamos avaliar", disse o juiz eleitoral ao UOL Eleições.
De acordo com o juiz, os dois casais foram detidos distribuindo os panfletos contra Gabeira na comunidade Fazenda Botafogo. Eles foram encaminhados, junto com o material irregular, para a delegacia da Polícia Federal para prestar depoimento.

"Inicialmente, eles disseram que não sabiam a quem pertenceria o material, apenas comentaram que foram pagos para fazer o serviço. Vamos avaliar o caso", comentou o coordenador de propaganda do TRE.

O panfleto apócrifo faz acusações que contrariam as propostas do candidato verde. "Gabeira vai construir o aterro sanitário de Paciência com interesses econômicos. Ele armou um esquema com o prefeito Cesar Maia", diz um dos textos do folheto, que assina ao final da página com o nome da associação de moradores de um lugar chamado Morro de São José da Pedra, local desconhecido pelas autoridades.

Os fiscais também apreenderam 30 faixas com a inscrição "Sou suburbano com muito orgulho". Segundo o TRE, os acusados de praticar a elaboração e distribuição de panfletos apócrifos, após serem avaliados pelo promotor eleitoral, podem cumprir pena de até dois anos de prisão, além de receber uma multa de até cinco salários mínimos.

Paes e Clarissa Garotinho


O tribunal eleitoral informou ainda que os fiscais apreenderam cerca de três mil panfletos de campanha de Eduardo Paes e a mesma quantidade da vereadora eleita Clarissa Garotinho, junto com os folhetos apócrifos contra Gabeira, na Fazenda Botafogo. O juiz eleitoral Luiz Márcio Pereira acrescentou que o TRE está aumentando a fiscalização na cidade para conter a distribuição do material ilegal.

"Nós estamos trazendo equipes de outros municípios para ajudar a coibir a distribuição dos panfletos apócrifos. Vamos combater esse ato criminoso", afirmou o juiz do TRE.

Na terça (14), treze faixas com a frase "Sou suburbano com muito orgulho" foram apreendidas por fiscais eleitorais em Madureira e na Vila da Penha, na zona norte do Rio. O Ministério Público e o TRE estão analisando o caso.