terça-feira, 21 de outubro de 2008

Olho vivo...

Os órgãos de fiscalização eleitoral devem redobrar suas atenções na reta final do pleito...

Quem pensa que o aliciamento de eleitores pelos candidatos a vereador cessou no primeiro turno, engana-se...Apesar de estarem fora dessa etapa, os vereadores reeleitos, os novatos e mesmo os derrotados (com votação expressiva) tem negociado bons "motivo$$$" para funcionarem como intermediários na compra de votos...

Agora, com mais liberdade e longe do foco da vigilância, esses personagens têm sido disputados ferozmente para aderir a esse ou aquele esquema...

2 comentários:

Anônimo disse...

Bom dia Xacal acabo d ficar sabendo q não para d chegar ônibus em Campos vindo do Rio de Janeiro,será pq?Oh chegou tb um trio elétrico em Travessão vindo d Duque de Caxias(doação d Zito),eles até foram parados no posto Timbozão,só q não houve motivos p prisões eles disseram q não votavam aq(e os PMS acreditaram,patetas)e pelo oq estou vendo vai acontecer a mesma coisa de 2004 qdo então a candidata Rosinha era governadora do estado... eu nunca ví tanta gente estranha na nossa cidade,eram vans e ônibus q não paravam d chegar e tds eles lotados...dizem as mas linguas q são pessoas q o ex governador apoiou p prefeito em algumas cidades e o pessoal q trabalhou na campanha de Clarissa no Rio...rx

Anônimo disse...

Xacal

Pelo que eu tenho ouvido de moradores do interior e de Guarus, a compra de votos está pior do que no primeiro turno.
Segundo eles, os dois lados estão oferecendo entorno de cem reais pelo voto e vantagens pessoais para aqueles que conseguirem comprar mais votos, tipo um cargo em comissão, caso sejam eleitos. A Policia Federal e a Justiça Eleitoral têm muito que fazer até as eleições, é só querer, porque as denuncias estão ai, para serem apuradas, algumas até citando o nome das pessoas que estão comprando voto. É só eles quererem e agirem.