segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Parabéns a prefeita...minhas condolências a cidade...

Democracia é saber ganhar e saber perder...E continuo com a impressão que perdemos todos...Qualquer que fosse o resultado...

Mas é do jogo...

Não fomos capazes de construir uma alternativa, e em política não há espaço vazio, todos sabem...

A rosinha garotinho fez uma campanha para ganhar e ganhou...

Resta saber se veremos se repetir a mesma história...São ótimos de campanha, péssimos de governo....

Pode parecer estranho, ou vocês podem não acreditar, mas, sinceramente, quero "queimar a minha língua", e quiçá a prefeita eleita possa corresponder a espectativa depositada nela...

Foi eleita sob o signo da mudança, e para isso até exilou seu sobrenome político, embora em nossa rasa opinião, a mudança foi muito mais cosmética do que de conteúdo...

Acompanhemos a indicação do secretariado, será um sintoma importante das intenções da prefeita....

Não tenham dúvidas, o povo de Campos dos G. não tolerará mais decepção, e nós permaneceremos de olho...para aplaudir o que for bom (até porque essa é a obrigação do gestor público)e para denunciar o que sair dos "trilhos"... 

Esse é o papel de todos nós, e não podemos renunciar a ele... 

5 comentários:

Anônimo disse...

carol Xacal, é importante as críticas, principalmente as construtivas e o seu blog vem prestando um bom serviço, mas discordo ao falar que são ruins de governo, pois quando querem já demonstraram ter qualidade, vide o 1º Governo do então prefeito Garotinho, a quantidade de obras importantes, ruas asfaltadas e todo o resto foi bem maior que os governos Arnaldo e Mocaiber com um orçamento 30x menor, é até covardia comparar, pois na época Campos tinha uma prefeitura quebrada, e hoje tem um Sr. Orçamento.
Concordo que quando governaram o estado foi triste, mas também não lembro de um governador que tenha feito um bom serviço, então fico na dúvida se a culpa não é do sistema, pois o "menos pior" foi o 1ºgoverno de Brizola que de acordo com os "cultos" não foi grande coisa e quase quebrou o estado.
Ferreira Machado, Ciclovia, Trianon e diversas de outras coisas saíram do governo Garotinho, quantas obras dessa importância podemos citar dos últimos prefeitos? Cito mais 20 do Garotinho sem dificuldades, enquanto dos outros 2 não consigo citar metade e volto a lembrar que o orçamento era 30x menor.

Xacal disse...

Caro anônimo...

Queira permitir a discordância democrática...

se obras fosse parâmetro para definir bons governos , paulo maluf seria o melhor gestor do mundo...

a questão crucial é: o modelo de gestão é que está caduco, e permite, ou melhor, produz para sua própria sobrevivência os caóticos arnaldos e macabros...

creia-me: garotinho napô não discorda em uma vírgula de arnaldo e macabro no que eles fizeram...

a "briga" entre eles é porque arnaldo e macabro imaginaram que poderiam ter um projeto político próprio, ou algo parecido com isso...

eles ousaram desobedecer as ordens do napô...

senão como explicar que os problemas de Campos dos G. se reproduziram na gestão estadual(vide pecado capital, segurança s/a, contratação sem concurso detran/nuseg, toda sorte de superfaturamentos, como foi o caso do hospital veterinário...)

Xacal disse...

editando: "(...) se obras fossem(...)"

Anônimo disse...

Xacal,

O que mais me impressiona é a tolerância das pessoas com a corrupção. Isto chega ao extremismo e apontar a família Arrotinho como sinal de mudança ou de popozao como prosperidade.

No entanto, era realmente complicado. A Odete era a menos pior, mas também muito fraquinha, coitada. Os outros dois eu nem lembro o nome direito.

A cidade agora que se prepare para a maior tragédia de sua história. a pmcg vai virar caixa de campanha e qualquer força de oposição será tratada com porrete e spray de pimenta, como de hábito. Quando isso não for possível, uma greve de fome resolve.

Saudações melancólicas.

Anônimo disse...

É Xacal ! Você tem razão !
Nas eleições de 2008 quem perdeu foi o povo. Essa gente lutadora e sofrida , que não acredita mais nos políticos, e que mesmo assim se deixa enebriar pelas falácias e promessas vãs.
Mas, espero assistir o fim dessa política montada tal com se fosse um jogo de damas.Política obediente ao poder econômico, que compra tudo.Desejo viver o dia em que todas as consciências sejam livres , em que o povo reconheça em si o poder e possa com toda sua força transformar a triste realidade que hoje vivemos.