quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Terrorismo...

Ninguém suporta ser coagido a fazer ou deixar de fazer algo...

O exercício da democracia pressupõe o respeito as diferenças, e a disputa entre idéias dentro de um ambiente mais pacífico quanto seja possível...

Isso não quer dizer que devemos sublimar conflitos, ou em outras palavras, varrê-los para baixo do tapete...

O clima nas eleições de Campos dos G. está quente, e não poderia deixar de sê-lo com o que está em jogo...O controle de um dos maiores orçamentos do país, e a possibilidade para alguns de retomarem seu projeto político estadual e nacional...

Ainda assim nada justifica que seus correligionários/cúmplices excedam na tentativa de angariar apoios...
Muito menos com ameaças e agressões...

Mas a exaltação e agressividade não é exclusividade de apenas uma facção política da cidade, como quer nos fazer crer a folha de embrulhar peixe, hoje, em suas páginas...

Quando destaca a conduta de um dos lados apenas, a denúncia da folha de embrulhar peixe acaba por acirrar o conflito, ao invés de ajudar a pacificá-lo...
Os jornalistas de coleira cumprem um triste papel de "aterrorizar" a população, o que deixa os "espíritos armados" prontos para o confronto...

Quem já passou de carro por alguma esquina já pode verificar por si...A maioria dos "adesivadores" faz seu trabalho de forma educada...
Alguns idiotas, sempre os há, querem "colar" seus candidatos na marra...
Caberá a justiça eleitoral e as autoridades separarem esses "animais" do convívio e do exercício da democracia...

Mas acusar apenas um dos lados, como já dissemos, não ajuda em nada...Só atrapalha...

30 comentários:

Anônimo disse...

Coincidência macabra. Está na Folha de São Paulo. militantes do Paes apedrejam carros com adesivo do Gabeira. Será tática partidária?

Anônimo disse...

A folha da mentira esta desesperada, sabe que esta dificil pra arnaldo e sabe que vai perder sua boquinha na pmcg, que lhe rende hoje alguns milhões, parte para o vale-tudo.

Mas vai se dar mal, pois além de perder a boquinha, vai perder todo resto de credibilidade que um dia teve.

Anônimo disse...

recebi uma lista c nomes dos provavéis secretarios de Rosinha:

Sec Governo:GAROTINHO
Sub:não precisa ele vai mandar em td msm.

Sec Educação:VANINHA(mulher d Chico da Rádio andava cheia de OURO + c a derrota do marido e as dívidas escondeu td,é semi analfabeta).
Sub:LINDA MARA(não sabe nem falar)

Chefe da Guarda:ÁLVARO lINS(aquele ex chefe de segurança do casal q foi preso na operação Pecado Capital e q mandava a polícia espancar os professores q iriam pedir aumento em frente ao Palácio)
Sub:CHICO DA RÁDIO(outro analfabeto)

Sec Promoção Social:ALCIONE ATHAIDE(enrolada c o esquema das ongs no governo do estado).
Sub:Patrícia Cordeiro(baba ovo d Rosinha,só pensa em si dar bem).

Sec Fazenda:RANUNFO VIDIGAL(aquele q roubou,quebrou e saiu corrido d São João da Barra)
Sub:Alguém indicado por Feijó

Sec Comunicação:BARBOSA LEMOS(responde a processos por corrupção e desvio de $ em São Francisco e está inelegível).
Sub:FELÍCIO DE SOUZA(candidato derrotado e baba ovo d Garotinho q é seu patrão na rádio diário fm.

Sec Obras:MAURO SILVA(coordenador da campanha e laranja do casal q tem um monte d imóveis em seu nome).
Sub:FERRUGEM(em conversa recente o próprio Garotinho afirmou q só não dá um pé na bunda dele pq ele tem mt rabo preso c o próprio).

Sec Saúde:CANTARINO(tb envolvido na máfia das Ongs no governo Rosinha)
Sub:DR EDSOM BATISTA(candidato derrotado cheio d dívidas)

Sec Esportes:MARCINHO PUDIM(candidato derrotado dono d uma churrascaria na Pelinca e irmão do deputado baba-ovo Geraldo Pudim).
Sub:REINALDO BARBOSA(irmão de Barbosa e Chico...estava acordado q si a DIFUSORA metesse o pau em Arnaldo todos eles teriam uma boquinha).

Sec Limpeza:FEIJÓ E PAULO HIRANO brigam por essa indicação.
Sub:CECÍLIA RIBEIRO GOMES(candidata derrotada q só falava o nome do pai no horário político).

Sec Emhab:nome desconhecido(será o mesmo q construiu os CQVS q estão dando choques nas crianças no governo Garotinho).
Sub:FÁBIO PAES(laranja d Garotinho)

Sec Municipal das Quentinhas:SILVEIRINHA(esse dispensa comentários.

COM UM TIME DESSE CAMPOS VAI TER UMA MILÍCIA EM CADA ESQUINA...rx

Anônimo disse...

Violência! O recurso dos desesperados. Sintoma clássico de quem perdeu. O gosto da derrota queima a boca dos milicianos...No Rio e aqui também.

José carlos disse...

Quero minha família andando com segurança pela cidade, sem precisar ser agredida por militantes do 15. Por isso, agora decidi de vez: votarei em Dr. Arnaldo Vianna.

Marcelo Gato disse...

A capa da (des)folha seca da manhã de hoje é uma afronta! Um desrespeito à ética! Um exemplo de tudo o que um jornal sério não deve ser. A notícia da mãe "agredida pór um militante do PMDB" merece ganhar ação na Justiça! Este jornal é uma erva daninha em nossa cidade e, por isso, deve ser erradicado. Alguém precisa tomar uma providência, porque eles (os Abreu-primeiro-os-meus) estão incitando a guerra civil em Campos. A Justiça Eleitoral não vê isso, meu Deus?

beatriz moreira repudia a violência disse...

A defesa desse senhor que se intitula Marcelo Gato chega a ser uma infâmia, uma afronta, um desrespeito ao eleitor comum. A cada vez que entro nesses blogs e leio certos tipos de comentários, sinto-me enojada.

Uma pessoas dessas não é séria, não pode ser séria. Acusar um jornal - pouca me importa qual seja ele - e ignorar que uma mãe foi agredida diante de seus dois filhos pequenos, só pode ser uma brincadeira de mau gosto. Deve ser porque não foi com alguém de sua família, não é mesmo?

Com este tipo de defesa, chego à conclusão que o rapaz acima vai aplaudir sua candidata caso ela atropele uma criança na rua e vá parar nas páginas policiais. Com toda a certeza, sob o ponto de vista dele, os culpados seriam o jornal - por divulgar a matéria - e a criança, por estar no lugar errado ter escolhido ir parar embaixo do carro. Pelo que vi, a coisa é por aí.

Falta seriedade nessas pessoas. E é quando leio este tipo de comentário que acordo, cada vez mais, para as coisas que estão acontecendo nessa cidade. Não quero um "revival" do clima de 2004, nem para mim, nem para a minha terra.

E fortaleço ainda mais minha decisão de não mais anular meu voto neste segundo turno.

amaro - pq. santa rosa disse...

Faço minhas as palavras da sra. Beatriz Moreira. Será que o sr. Marcelo Gato acha que, com este tipo de comentário que faz, vai atrair algum voto para a sua candidata? Muito pelo contrário, meu caro. Continue assim e o candidato adversário vai te agradecer pela transferência de votos.

verônica do parque lebret disse...

É isso aí, pessoal, vamos nos unir contra a violência de militantes nas ruas. Eu quero paz. Eu quero andar pelas ruas com tranquilidade.

Eu já fiz a minha opção. Vou votar naquele que entendo que vai governar essa cidade com paz e tranquilidade. Agora, mais do que nunca, estou com Arnaldo Viana.

Anônimo disse...

Marcelo Gato = Ave Lynnus = Frangolino. Ele vai ter boquinha na PMGC...

O que mais me impressiona e a inocencia das pessoas. Ambos os candidatos tem ficha suja, mas um apela mais, pois usa da religiao e violencia e denuncismo para conseguir votos.

Alem disso, os caras agora exploram a "sindrome de vira lata" do pessoal de Guarus, quando Arnaldo nao disse nada de depreciativo ao povo ou ao bairro.

Nelson e família disse...

Ao marcelo gato:

Graças a atitudes como a sua, eu e minha acabamos de decidir que vamos trocar de candidato.

Sua candidata pode te agradecer por isso.

nelson e família disse...

Graças a atitudes como a sua, eu e minha família acabamos de decidir que vamos trocar de candidato.

Sua candidata pode te agradecer por isso

Anônimo disse...

Como disse o cara ai em cima, Marcelo gato e figurinha manjada na turma do 15... Ave Lynnus !! (boa essa)

Tem varias estorias dele espalhadas pelos diversos blogs, algumas muito comicas !!

Este codinome revela varias caracteristicas obscuras de sua personalidade... :-)

Manoel Caetano disse...

Impressiona como os interesses incofessáveis, mais evidentes, provocam toda sorte de irracionalidade, cinismo e hipocrisia.

Qualquer cidadão em sã consciência, coerente e independente destes esquemas macabros da politicagem campista percebe as tentativas, até infantis, de promoção forçada de rejeição.

Ao invés de uma disputa política normal onde o candidato procura mostrar que é melhor do que seu adversário para a função pretendida, aqui, a tônica é invertida e o impera é: "eu sou ruim, mas o outro é pior".

Obviamente, qualquer agressão como a descrita na matéria de capa da folha da manhã precisa ser apurada e os responsáveis punidos. Mas, como o Xacal muito bem observou, nós que circulamos de carro pela cidade percebemos com clareza tratar-se de práticas generalizadas e presentes nos dois lados da disputa.

Precisamos separar o fato em si de sua exploração eleitoral. Não sou a favor de violência de nenhuma espécie, mas também não sou idiota. Vários fatores me levam a desconfiar que as coisas não aconteceram exatamente como querem fazer parecer.

Em primeiro lugar a vítima não era imparcial, é assumidamente eleitora de Arnaldo, e, portanto, seu depoimento não pode estar acima de qualquer suspeita.

Em segundo lugar, o jornal também não é imparcial e também favorece Arnaldo descaradamente, seu relato provavelmente está contaminado por sua predileção eleitoral.

Em terceiro lugar, o acusado, identificado apenas por "militante do 15" ninguém sabe exatamente quem é. Pode ser qualquer um, inclusive eleitor do 12 disfarçado, vá saber.

Em quarto lugar, a candidata Rosinha lidera com relativa folga de acordo com a pesquisa Ibope, única que acertou na previsão para o primeiro turno e, portanto, não vejo motivos para sua militância estar tão irritada.

Em quinto lugar, mesmo que tudo tenha acontecido da forma descrita pela "vítima" e pelo "jornal" ainda seria exagerado querer transferir a infeliz atitude de um militante destemperado para a candidata que o mesmo defende, como se a violência manifestada por ele fosse necessariamente uma característica também da candidata.

Em suma, acho que essa polêmica não passa de mais uma atitude de desespero do pessoal do Arnaldo.

Em tempo, também não acho procedente a campanha de Rosinha acerca da frase de Arnaldo sobre a ponte que ligaria nada a lugar nenhum, sinceramente acho que a intenção dele não foi desmerecer a população de Guarus ou coisa parecida, mas tão somente questionar a localização da ponte.

Anônimo disse...

O que mais me espanta é a demonização dos adversários que é feita pela militância do PMDB, típico do estilo Arrotinho de fazer política.

Quando a justiça livra o Sr. Chicão (pq Doutor é quem tem Doutorado) ele diz "fez-se justiça". Quando o TSE libera o segundo turno das eleições, o mesmo diz "Muito estranha a decisão do TSE". Ou seja, não há salvação longe de mim.

Acho que a cidade está sendo disputada entre dois membros da lista de fichas sujas, o que por si só já ilustra o nosso cenário político para os próximos 8 anos, pois os primeiros 4 são para planejar a re-eleição.

É triste ver tal cenário. Infelizmente tenho que engolir meus amigos cariocas dessa vez. Eles deram uma aula de como se vota.

Manoel Caetano disse...

O anônimo acima, bem na linha folha da manhã só vê os podres do PMDB de Rosinha.

Como falar em demonização do adversário e não citar o flagrante terrorismo contra os garotinhos promovido pela militância de Arnaldo?

Quanto as disputas judiciais, não vejo parâmentro de comparação entre o caso de Arnaldo e o de Chicão.

O Chicão foi, notoriamente, vítima de uma tentativa infeliz e desesperada dos advogados de Arnaldo de tentar reequilibrar a disputa. Não tinha como dar em outra coisa pois a ação era completamente infundada, o que reforça a tese de litigância de má fé.

Já o primeiro, possui 6 contas rejeitadas no TCE, 1 no TCU e 1 na câmara de vereadores. Pode ser que nem todas sejam insanáveis, mas, não creio que os ministros do TRE, por unanimidade, cometeriam o equívoco de impugnar a sua candidatura, por duas vezes, sem que houvesse nenhuma conta insanável.

Ou seja, no caso de Arnaldo o mais provável é que, cedo ou tarde, o TSE confirme a impugnação.

Minha tese é de que o TSE, para evitar a responsabilidade de impugnar Arnaldo e, consequentemente, cassar seu mandato de deputado, está ganhando tempo para ver se o mesmo perde nas urnas.

Assim o processo perderia sua importância para o momento e poderia voltar para o lugar onde tem descansado nos últimos dois anos...

Anônimo disse...

Os patifes estão soltos, ganhando da prefeitura para infestar os blogs ante a iminência da derrota dia 26. Aplaudem a manipulação da Folha com uma matéria que fere os mais elementares principios da ética jornalística porque necessitam(o jornal e eles)manter seus privilégios de fantasmas que ganham rios de dinheiro às custas do sacrifício da população. Ei, você aí... vc não é do Lebrer, não. Você é da Pelinca, te conheço, não? O pessoal do Lebret sabe bem que quase tudo que Guarus tem foi feito por Garotinho, sem verba dos royalties.

Anônimo disse...

Esse miserável e asqueiroso jornal de embrulhar peixe cumpre um triste papel na história gloriosa da imprensa campista. Deveria fazer parte numa reedição tipo "Grandezas e Misérias da Imprensa de Campos", do jornalista Godofredo Tinoco. Como "jornalistas" se sentem sendo obrigados a fazerem uma peça de ficção que tudo leva a crer foi essa "matéria"? A "matéria" é patética, não tem base de informações confiáveis para servir nem como nota de coluna. Coisa plantada por escroques, verdadeiros marginais da imprensa. Ou então, jornalistas amestrados, pobres diabos que são. A vida inteira vão se submeter aos cretinos salários que Diva/Aluisio lhes pagam para "fazer serviço sujo" para os patrões canalhas em troca de caraminguás no fim do mês. Não votei no 12 nem no 15 no primeiro turno, mas como calar diante desse banditismo?

Anônimo disse...

Manoel meu caro,

Eu acho que a cidade vem sendo disputada por facções. Nao defendo Folha nem Diario (que por sinal é bem tendencioso também).

Arnaldo tem problemas com a justiça, assim como os tem Rosinha, a sua candidata. Eu não tenho candidato. Felizmente estou fora de Campos neste triste momento para nossa cidade.

Só uma pergunta. O mesmo Arrotinho da igreja é o que escreve no blog e fala no rádio ? Parece um indivíduo afetado por dupla personalidade...

Saudações.

Anônimo disse...

minha família é católica, mas a pressão está sendo muita grande, ao participar de uma reunião com nosso padre hoje ele nos entregou um papel(dizendo ser ordens do bispo diocesano) para ser entregue aos membros de grupos de oração, convocando para uma reunião amanhã na igreja, no papel está escrito assim:

"CATÓLICO NÃO VOTA EM PROTESTANTE. HÁ RISCO DE TERMOS COM PREFEITO UM PROTESTANTE. o PROBLEMA NÃO É SOBRETUDO, SER PROTESTANTE, MAS A GESTÃO PROTESTANTE QUE VAI SE ESTABELECEREM NOSSO MUNICÍPIO CAUSANDO EMPECILHOS À iGREJA CATÓLICA E SEUS PROJETOS SOCIAIS E EDUCACIONAIS".


POR CAUSA DESSE PADRE, MINHA FAMÍLIA E EU PEDIMOS PERDÃO A DEUS E DEIXAMOS DE FREQUENTAR AS MISSAS, POIS SEU NOME(DO PADRE) CONSTA DA LISTA DA PELÚCIO, ASSIM COMO ALGUNS DE SEUS MINISTROS DA EUCARISTIA COMO FUNCIONÁRIOS FANTASMAS.

Gostaria de saber porque há tanto desespero por parte desse povo do 12!! Porque tanta armação!!!
Eles não têm medo da IRA de DEUS!!!

Estou apavorada!!!

Anônimo disse...

E você vai ficar colando isso em todos os blogs ????

Esse pessoal viu... tomara que chegue dia 26 logo e as facções decidam quem vai mandar.

E quando o pastor manda o pessoal votar em bispos, padres e qualquer outra porcaria dessas ?

Anônimo disse...

Confiram este BLOG

http://celsoraeder.blogspot.com/!Confiram este BLOG

http://celsoraeder.blogspot.com/!

SUPER ENERGIA disse...

O comentarista anônimo que fala de um certo padre deveria dizer quem é o dito cujo, pois canalhas existem em todas as classes e religiões, então o povo, e quem sabe o Bispo citado aí, desse um jeito de deixar esse moço falando sozinho na... Quanto ao CelsoReader de um coment. anterior, parabéns Sr Jornalista, seu blog é muito bem elaborado, inclusive fiquei muito satisfeito em saber que um carioca conheça tão bem nossa cidade....
Em tempo: Sou católico.

Marina disse...

Eu só acho um absurdo achar que todo mundo que mora na pelinca tem alguma coisa a ver com Arnaldo!
Que besteira isso!!

Meu voto é nulo!

Anônimo disse...

Perto da casa de Mocaiber está engraçado, de um lado o 12 e do outro o 15!
Que essa agonia acabe logo!
Tanto de um lado como de outro, estão abusando com essa história de querer adesivar os carros!
O povinho enjuado esses militantes!

Anônimo disse...

tô lendo e tô gostando:

http://tonem-hay.blogspot.com/

Malisa disse...

Anônimo das 03.26, muito bom o blog:
http://tonem-hay.blogspot.com

Anônimo disse...

Pense macro, e não micro. Temos dos candidatos sujos. Porém um tem ambições nacionais, caráter personalista, mistura religião com política e métodos obscuros de conseguir seus objetivos. O outro não possui estas ambições. Não representa riscos para a nação inteira. O máximo que irá causar será algum dano municipal. Nada que na próxima eleição não possa ser corrigido. Agora optar por colocar na boca do cofre um elemento com tamanho ego e com um passado nada recomendável, será uma temeridade para o futuro. Para quem estudou um mínimo de história, deve ser de conhecimento a trajetória de um cabo bohemio no exército alemão, que quando encontrou a oportunidade certa, iniciou a formação de brigadas populares, bem o resto todos já sabem. Cuidado com seu voto, não faça dele trampolim para desastres.

rufus disse...

No blog do Claudio Andrade, a Sra. Marcella Barcellos de Almeida Lopes faz publicar nota, onde se identifica como a protagonista da história que ocupou a 1ª página da "folha de embrulhar peixe" e narra sua versão da história.
A Senhora Marcela tem todo direito de se indignar e de buscar seus direitos.
Porém, seria ótimo que os condutores que SOFRERAM CONSTRANGIMENTOS SEMELHANTES a partir de ações de ações semelhantes de "militantes despreparados" da campanha do PDT registrassem os casos na DP.
Aí poderíamos constatar se a Folha da Manhã, seguindo sua "linha editorial isenta", reservaria meta de da 1ª página e a manchete principal para a ocorrência!

Anônimo disse...

Dos males o menor, o menos duradouro. Arnaldo ou a Dinastia Garotinho. Qual você prefere?