quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Pela vizinhança...

Incidente diplomático...

Chile e Peru estão à beira de um conflito diplomático...O motivo do acirramento das relações entre esses dois países, rivais históricos, foi a divulgação de um vídeo, onde um general do Exército peruano, em uma reunião informal com seus pares militares, faz declarações desastrosas...No vídeo, amplamente reproduzido nos meios de comunicação chilenos e na internet, o general Edwyin Donayre diz que chilenos que entrem no Peru devem sair já, ou sairão em caixões...O general continua, e diz que se não houver caixões em número suficiente, sairão em sacos plásticos...
O governo chileno protestou veementemente, e o governo e o embaixador peruano no Chile se apressou em deasutorizar o general, e declarar que esse não é o sentimento do povo peruano...




Contra-ataque argentino...

A presidenta da Argentina, Cristina Kirchner, anunciou durante a Conferência Industrial, promovida pela União Industrial da Argentina, o lançamento de um pacote de medidas para enfrentar a fuga de capitais e a desaceleração econômica causadas pela crise mundial...De acordo com a presidenta, será criado o Ministério da Produção, que promoverá o incentivo a atividade econômica através da concessão de financiamento e incentivos fiscais...
O Banco Central Argentino confirmou que nos primeiros nove meses do ano, cerca de 14 bilhões de dólares saíram do sistema financeiro daquele país...
O episódio da estatização dos fundos de pensão agravou, em boa parte, essa fuga de capitais para endereços considerados seguros...



Arsenal capturado...

A polícia colombiana desmantelou a maior fábrica de explosivos das FARC, que de acordo com as autoridades locais matinham uma capacidade de produzir 20 toneladas de explosivos e minas antipessoais...Dois homens foram presos, Alexander Gutiérrez Arias, conhecido como bombillo, responsável pelo paiol de explosivos e homem de confiança de Hermer Triana, o james patamala, também preso...Triana é coordenador econômico da seção das FARC na região de Neiva, Florencia, San Vicente del Caguán e Bogotá...


Fonte: El País.



Nenhum comentário: