domingo, 23 de novembro de 2008

Trolhada do leitor...

Publicamos os textos enviados pelo leitor Marcelo Ururau, indignado com a questão do ex-concurso do psf...
O leitor chama nossa atenção para os "critérios"(ou a falta deles) quando é para definir o conceito de prioridade orçamentária...Alguns são mais "sortudos" que outros...

Aos amigos tudo, aos inimigos a lei...

Confira:

custo dos fiscais de renda   Caixa de entrada
 Marcelo Ururau 
 para mim
 Mais opções  16:50 (4 horas atrás)

Xacal, aproveitando o acontecimento por FALTA DE PREVISAO ORÇAMENTÁRIA para suspensão do concurso do PSF, o q o nobre Dr Edson tem a falar sobre a lei n. 8.055, de 12 de novembro de 2008 que aprovou a isonomia salarial para a categoria dos fiscais de renda ativos e inativos estatutários do município de Campos.

Conforme nota no blog do prof Roberto: “Para se ter uma idéia do que pode ser o impacto financeiro da lei, um dos seus artigos prevê que “os valores a serem equiparados para fins de isonomia, dependerão de estudo próprio, observando sempre o limite do teto remuneratório do Prefeito Municipal, conforme artigo 37, X da Constituição Federal”.”

Mas as declarações do anônimo:

Anônimo said....

a prefeitura esta dominada por por categorias que estao conseguindo enriquecer sem.sao castas que conseguram ampliar os vencimentos de forma desproporcional ao orcamento corrente do municipio,bem como em realacao a outros entes da federacao.para se ter uma ideia, os fiscais do municipio que ,na maioria dos casos,sao pessoas que mudaran de funcao apos a constituicao de 88 e muito com formacao primaria,recebem salarios maiores que um fiscal do icms do estado que me parece esta recebendo r$ oito mil e poucos reais,sendo que para entrar nesta carreira precisan enfrentar um concurso publico com 15 materias e exercerem atividade muito mais complexas,diferentemente dos nossos fiscais de iss que recebem o mesmo salario do prefeito que e de r$ 14500,mais ou menos”

Ao q se sabe são aproximadamente 90 fiscais entre ativos e inativos e fazendo uma continha rápida isso custaria aos cofres municipais míseros R$ 1.305.000,00 .

E ou eu ando maluca ou o q eu ouço é que esses fiscais nada fazem para aumentar a receita própria do município.
abraços
Marcelo

custo FISCAIS DE RENDAS X CONCURSADOS DO PSF   Caixa de entrada
 Marcelo Ururau 
 para mim
 Mais opções  17:13 (4 horas atrás)
 
Xacal, veja a conta
O novo salário do prefeito (q será o limite dos fiscais de renda, pela nova lei)
R$ 23.000,00 x 90 fiscais = R$ 2.070.000,00
Custo do PSF - número de vagas x salário (conforme edital)
 
fundamental   450 vagas - salario R$ 625,81 -  total R$ 281.614,50
fundamental   55   vagas - salario R$ 714,12 - total R$   39.276,60
medio            61 vagas - salario R$ 1.335,70 - total R$ 81.477,70
superior        174 vagas - salario R$ 5.035,00 - total R$ 876.090,00
total do psf -                                              R$ 1.278.458,80
 
É isso mesmo?
Mas q coisa incoerente não, os concursados do PSF q custarão 1.300.000,00 foi alvo de ação, liminar e o (k...lho) e os lindos fiscais (deve ter mta mulher gostosa como fiscal ou gente mto importante) porque ninguém fala nada e eles custam R$ 2.000.000,00 ?????
Acho q ando faltando mta aula de matemática. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Ou então estou doidão!!!!!!!!!!
 
 
Marcelo

3 comentários:

Flávia disse...

Pois é Xacal, Marcelo ainda esqueceu de dizer que o PSF tem verba federal, o que não causaria impacto no orçamento.E para lembrar a decisão que saiu há pouco tempo, que os funcionários efetivados em 1983, por Garotinho, aproveitando o embalo da brecha da Constituição, serão demitidos e perderão todos os direitos de estatutários, pois passam do prazo estipulado para esse benefício. Será que estes fiscais fazem parte dessa leva?Quem vai fiscalizar o cumprimento dessa decisão?Só com a demissão desses "falsos estatutários", sobraria dinheiro para pagamento de concursados.
é chamar o povo de otário, pois como disse em seu comentário, a tal lei foi aprovada em seu curso normal no legislativo, pq só agora?!Viva seu blog Xacal, onde indiretamente, extravaso minha repúdia aos atos de nossa cidade...mais uma vez, na manchete, de maneira negativa!!

Anônimo disse...

O certo é que tanto o Concurso do PSF, quanto o aumento dos Fiscais de Renda são ilegais. Uma coisa não pode justificar outra.
Legalidade com equilíbrio.

Anônimo disse...

HONNEY,
ACHO QUE VC AINDA NÃO SABE... NO MEIO DESSA DISCUSSÃO DE ENTRA E SAI, OS PROCURADORES DO NOSSO MUNICÍPIO CONSEGUIRAM CONCRETIZAR UM SONHO ANTIGO.AGORA ELES PASSAM A GANHAR "PRODUTIVIDADE"(IGUAL A CATEGORIA DE FISCAL DE RENDAS).TUDO DEVIDAMENTE APROVADO PELOS VEREADORES.DIZEM AS MÁS LINGUAS QUE FOI UMA TROCA DE FAVORES...
ROXANNE