sábado, 27 de dezembro de 2008

Novas "descobertas"...

Alguém já disse, que ao chegar aqui, se fosse um dia de sol os portugueses não vestiriam os índios, e sim seriam despidos...

Um leitor atento nos relembrou o poema "Erro de português" de Oswald de Andrade:

ERRO DE PORTUGUÊS 
Oswald de Andrade 

Quando o português chegou
debaixo duma bruta chuva
vestiu o índio
Que pena!
Fosse uma manhã de sol
o índio tinha despido
o português


Essa "alegoria" serve para revelar o caráter recíproco das relações culturais que se estabelecem, quando dois ou mais povos se encontram, qualquer que seja o motivo...

Nem sempre essas relações são pacíficas...e na maioria das vezes, há uma tentativa de hierarquizar os saberes, quando uma cultura tende a sobrepujar a outra...

Mas, quem diria, 500 anos após, a blogosfera goitacá e a blogosfera lisboeta se "descobrem", e mais que compartilhar a língua, passam a compartilhar interesses e experiências...

Depois do blog do bento(bento-vai-para-dentro-bento.blogspot.com) com seu humor verrinoso(como se autodefine), e da delicadeza devastadora da sue costa(suecosta.wordpress.com), eis que nos visita por aqui o miguel barroso, com seu blog ASSIMETRIA DO PERFEITO, dedicado a poemas...

Sem os laços metrópole-colônia, Campos dos G. e Lisboa retomam sua vocação universal para o convívio, sem que para tanto fossem necessários milhares e milhares de reais com penduricalhos como uma "casa" Brasil-Portugal, verdadeiro cabide de empregos em nome da diplomacia cultural...

Sejam bem chegados os patrícios...São declarados "abertos" os blogoportos da cumplicidade intelectual... 

2 comentários:

Anônimo disse...

ERRO DE PORTUGUÊS
Oswald de Andrade

Quando o português chegou
debaixo duma bruta chuva
vestiu o índio
Que pena!
Fosse uma manhã de sol
o índio tinha despido
o português

Xacal disse...

Grato pela lembrança...já modifiquei o conteúdo para atualizar sua informação...