sábado, 10 de janeiro de 2009

Fora do juízo...

Há vários anos há uma lenda urbana, que de tanto repetida, assumiu ares de verdade incontestável...

O napô da lapa é um grande comunicador...Depende..depende do ângulo que se observe...
Se for para roduzir lugares-comuns, conceitos pobres e falsos dilemas, e transformar tais pobres ferramentas em dividendos eleitorais, então, realmente, o "homem" é um gênio...ou será que sua audiência é que é burra...?

Caso contrário, como justificar algumas "pérolas" do programa do napô, o redimido:

Vamos a elas:

Napô: "Fulana, vamos ser sinceros...você sabe que no psf muita gente não trabalhava...você trabalhava, e sabe, não é...?"
Fulana do Parque Aldeia: "Eu trabalhei e sei, tinha muito fantasma, mas eu trabalhava"...

Comentário nosso: você já viu alguém se acusar, ao vivo...? Quanta credibilidade, não...?

Outra:
Napô: "Fulano, você acha que o dinheiro deve ser gasto no Carnaval esse ano, ou ser gasto para ajudar os desabrigados...?"
Fulana do Esplanada: "Eu acho que deveria acabar com o Carnaval de vez..."

Comentário: Você acha que deveríamos investir o dinheiro público na cura do câncer ou em bailes à fantasia...? Pesquisa séria é isso aí: coloca em oposição temas correlatos, e nunca direciona a resposta...!

Será que tudo o que o senso comum produz advém da burrice e da manipulação da informação...?
Ou será que nós é que somos burros, por combater essa tolice populista...? Não seria melhor se entregar, e deixar esse povo imbecil se ferrar com seus "guias geniais"...? Em nome de que resistimos...? 

3 comentários:

Tramem disse...

pelo menos em nome de nossa dignidade devemos resistir ... hasta la victoria !

Anônimo disse...

Não há mal que dure para sempre.

Almira disse...

Resista por favor!!!!!!!!!!!!