sábado, 10 de janeiro de 2009

Memória radiofônica do pântano goitacá...

Há alguns meses, logo no início da campanha eleitoral, a rádio o Diário foi palco(essa é a palavra exata) de um espetáculo interessante...

Nos microfones daquele veículo de comunicação, o comunicador napoleão da lapa, leu, ao vivo, uma carta de DEMISSÃO, onde, dentre outras coisas, desancava a direção da empresa de comunicação, e uma suposta perseguição contra sua pessoa...

Que surpresa, hoje, ao fazer a ronda virtual e ser informado pelo blog do Gustavo Sofiatti, soprador devidro.blogspot.com/ que o perón da lapa volta ao seu antigo "ninho"...

Quanta mudança, não...?

Mas as dúvidas permanecem...Na época, o discurso do napô era verdadeiro...? Afinal de contas, quem foi, é, ou será o dono, ou donos do grupo Diário...? O napô fez as pazes com os antigos donos, nunca brigaram, ou mudaram os donos...?

E agora, cessaram as "perseguições", ou elas nunca existiram...?

Quanta mudança, não...?

Um comentário:

Tramem disse...

Agora o grupo pertence a um testa de ferro de Carlos Alberto Faria,um dos grandes financiadores da campanha eleitoral aliais de muitas campanhas, quem for ungido pelo cara vence a eleição . Já podemos dizer que temos o nosso Roberto Marinho! Tudo conforme combinado e desde o primeiro ato, que teve a participação de macabro, e seus dois patetas...