quinta-feira, 5 de março de 2009

Contradição...

Com certeza esse "colonista" será chamado às falas pelo politbu(r)ro da lapa...

Dias desses(dois ou três dias atrás) esse mesmo jornal teceu loas a pedra fundamental da duplicação da rodovia BR101, e e catapultou a prefeita a condição de "padroeira da segurança dos motoristas"....

Nós comentamos esse jornalismo de coleira em um post, lá embaixo, com o título Mais e mais mentira...o de sempre

Agora, o mesmo jornal crava uma nota contra o aumento das tarifas de pedágio, condição imposta pela concessionária para implementar as obras requeridas pelos usuários e pela sociedade em geral...

Leia e nota e reflita, será que o jornal ordinário sofre de esquizofrenia, ou será que temos alguém "infiltrado" nas hordas da lapa...?

"Assim é fácil
Afinal, não será sem o dinheiro do povo que a Auto Pista Fluminense irá antecipar o processo de duplicação da BR-101. A empresa, que tomou empréstimo do BNDES para assumir a concessão, fará as obras, sim. Mas não sem penalizar ainda mais o usuário com um aumento na tarifa de pedágio."

4 comentários:

Crias...todas de parto normal disse...

MEDITE: Os opressores do meu povo são crianças, e mulheres estão à testa do seu governo. Ah! Povo meu! Os que te guiam te enganam e destroem o caminho das tuas veredas. Isaías 3:12

Axl disse...

Jesuis !!! A Biblia já tinha previsto as garotices que se faz por aqui ?

Particularmente acho perigoso usarmos do discurso religioso, cujo pressuposto é a fé, na discussão da política, que deve se pautar pelo uso público da razão. Caso contrário corremos o risco criar um discurso aos moldes do fundamentalismo pseudo-religioso oriundo da lapa

Não é uma questão de negar ou não a fé, o que por si só seria impossível, mas sim de reconhecer riscos de inserir no debate argumentos que, de antemão, se excluem do próprio debate, por fundamentarem-se exclusivamente na fé.

Quanto ao jornaleco, ele é tão contraditório quanto o discurso daqueles que o comandam, não daria pra esperar outra coisa,

Axl disse...

Pensando bem ...

Se a intenção for a de explorar as ambiguidade dos textos Biblicos, pode ser uma boa idéia...

Anônimo disse...

Esse jornal não presta nem pra limpar a bunda.