terça-feira, 24 de março de 2009

A indústria da opinião "publicada"

Há um velho adágio que diz: "não há opinião pública, e sim opinião publicada"...Levada ao pé da letra, é de certa forma um exageo, e hiperboliza o papel da mídia na mediação do debate público na sociedade...

Talvez esse chavão se aplique muito mais a tentativa de manipulação, recheada por um arrogância pobre de argumentos e cheias de superficialidade, que contribui muito para construir aquilo que chamamos de "senso comum", que na maioria das vezes não coincide com o bom senso...
A folha de embrulhar peixe e o o(r)di(n)ário não formam opinião, nem fornecem elementos para um público qualificado, como pensam...eles deformam o pouco de opinião que seus minguados leitores têm...É por isso que os perdem a cada dia, e ficam só com o lumpenleitor, aquele que só procura as páginas policiais e de esportes...

Os jornalistas de coleira da região, filiais caipiras dos órgãos do PIG nacional, estão babando de contentamento pela queda da avaliação positiva do governo Lula...

Os pobres imbecis tentam lhe convencer de uma versão dos fatos que eles chamam de verdade: Lula foi atingido em cheio pela crise internacional...
Seria ingenuidade e má-fé tentar ignorar que os maus ventos internacionais, associado a uma ortodoxia exagerada na condução de nosso política econômica,  desgastará a figura do presidente, que inclusve associou boa parte de seu prestígio aos acertos dessa política...

Mas há um fator que os jornalistas de coleira e o PIG escondem de você, caro leitor...Perceba que todas as pesquisas de opinião sobre o governo são "coincidentemente" realizadas após uma avalanche  de reportagens-pânico, editoriais-terroristas e matérias-fim-de-mundo...

Os números não mentem, mas refletem um ânimo que pode ser criado a partir de dispositivos que os jornalistas de coleira e seus patrões do PIG conhecem muito bem...

Não é à toa que Silvio Berlusconi "ocupou" a mídia italiana, e agora controla, direta ou indiretamente, todos os principais veículos de comunicação daquele país, um dos berços da noção de Estado de Direito...

Refutamos ardorosamente qualquer arranhão a liberdade de expressão...Que fique claro...!
Mas chega a ser ridícula uma afirmação dessas, que retiramos do jornal o(r)di(n)ário, que tem cumprido a triste tarefa de viver um jornalismo de quatro: ou para se alimentar na mão dos poderosos, ou para servir de montaria para eles...

Leia o trecho onde arrogância e burrice se juntam em uma frase improvável, que retiramos de uma nota que tratava da popularidade de Lula...Na visão desses imbecis, há matérias incontestáveis, desde que veiculem os seus interesses...Pobres beócios...

"(...)Será que vai aparecer por ai algum “falastrão” de carteirinha, metido a “dono da verdade”, para contestar a matéria?"

Um comentário:

Anônimo disse...

PMCG RESOLVE, nomear, com base no Decreto nº 028/09, Hélio Lelé Azevedo Gomes, para exercer na Secretaria Municipal de Governo, o cargo em comissão de Supervisor de Serviços Municipais de Ponta Grossa dos Fidalgos,Símbolo DAS-07, com vigência a contar da data de publicação.PREFEITURA MUNICIPAL
Esse é o LELE ,já emplacou a filha como Diretora de Ponta Grossa agora ele emplaca ele mesmo... VIVA, esse é nosso Brasil Varonil!!!!! de Napoleão da Lapa