segunda-feira, 6 de abril de 2009

Aleluia, desgovernado governador...

Não vai aqui nenhuma troça com o povo das religiões...
Cada um defende a fé que tem, e a pratica como bem quer, desde que não misture religião e Estado e se mantenha dentro dos limites da tolerância...

Mas esse nome que a equipe de marquetíngue do governador desgovernado arrumou para batizar sua mais nova tentativa de inserção de uma "marca" eleitoreira de sua gestão é um desastre...

Pior que essa "marca", CVT, centro vocacional tecnológico, só os upa...upa, upa...!

No meu tempo, esse negócio de vocação era como descreviam o "chamado" de deus aos jovens, para que casassem com a Igreja, e vestissem batina...

Mas alguns comentaristas já foram além, e disseram que CVT é a nova facção criminosa, comando vermelho talebã...

O que será que pretende o governador desgovernado: será o centro uma vocação para a tecnologia, ou a tecnologia para a vocação...?

Ao invés de tentar emplacar nomes pomposos para políticas públicas de quinta categoria, o governador desgovernado bem que poderia resolver o problema dos concursos na Faetec, ou decidir se vai incorporar ou não a gratificação Nova Escola no salário-mesada que dos professores...

Depois não adianta dar chilique, como menino mimado de quem tomaram o pirulito...

Pobre cabralzinho, está atolado na areia movediça da inoperância...quanto mais se debate, mais afunda...!

6 comentários:

Anônimo disse...

Vocês são ridículos! São revoltados,de mal com o mundo, devem morar mal, andar a pé, comer m..... Daí essa revolta toda.e esse blog? Raramente informa algo que presta. Vcs são blogueiros de um assunto só, vivem apenas para perseguir aqueles que conseguiram na vida o que falta a vocês.

Xacal disse...

falou a voz de quem, provavelmente, come bem, anda de HI LUX e mora em um desses imóveis de 800.000 reais na Pelinca...

tudo isso para escárnio dos contribuintes que pagam por essa mordomias, conseguidas com métodos "heterodoxos"...

quanto ao conteúdo do blog, que bom que por aqui você, mercenário da elite pantanosa, você possa expressá-la...

mande aí uma sugestão de pauta: férias em Campos do Jordão...? Decoração de interiores para apartamentos em Búzios ou Guarapari...? Agenda da balada em Côte d' Azur...?

Xacal disse...

PS: de fato, somos de "mal com o mundo", esse mundo de maravilhas vergonhosas, no qual vocês vivem, às nossas custas: habitantes do "mundo inferior"

Carlos disse...

Ao anônimo das 09:17

Vá defender seu (des)governador em outro local, pois neste espaço há pessoas que se discordam de um político que ainda não disse a que veio o fazem com a intenção de colaborar para que a população deste enganado e espoliado País aprenda a defender seus direitos, a questionar porque seus representantes escolhidos através dos votos quando chegam ao poder se esquecem daqueles a quem depositou esperanças de melhores dias. O que podemos esperar de um governante que sequer luta para que seu Estado continue a progredir e gere empregos para o povo? Posso estar enganado, porém até o momento fora medidas de visualização na mídia e bajulação de outros governates, especialmente o Lula, ainda não vi nenhuma medida concreta para que o Rio melhore de posição perante a outros Estados. De que adianta reter o dinheiro arrecado com impostos se não há retorno para a população. Qual o objetivo, fazer caixa? O povo precisa é de investimentos em infraestrutura; saúde; educação; segurança e melhoria de salários daqueles que tem a função de fazer essa pesada máquina funcionar, ou seja, o funcionalismo. O resto é balela.

Anônimo disse...

Nós é que somos ridículos??
Se está se gabando por fazer parte de alguma boquinha neste governo, aproveite bastante porque boquinha voce sabe como é...hoje tem....amanhã quem sabe e depois ter que ir a todos palanques políticos atrás de outra boquinha. ô vidinha de sombra. "perseguir aqueles que conseguiram na vida o que falta a vocês". Humilhação, bajulação, mudança de personalidade, isso realmente falta em mim, e posso te dizer que tenho bastante coisa sem ter que beijar mão de político nenhum. Pode sair esse governo, entrar outro que continuo as críticas aqui e no meu trabalho e não perco o emprego.

Gayrotinho disse...

Eu tb Não.