quinta-feira, 2 de abril de 2009

A barriga da discórdia...


Impossibilitado de atualizar esse espaço, por razões pessoais, chegamos por aqui atrasados...

Mas hoje de manhã, antes de sair de casa, tive o desprazer de ouvir um progama de rádio, o "página virada", onde os radialistas de coleira falavam dos excessos dos blogs, dos comentários anônimos, e por fim, o dublê se pateta zumbi e radialista, ou vice-versa, tascou um recibo daqueles: falou da falta de elegância de um "blog" que teria feito comentários jocosos e mórbidos sobre o estado de saúde do deputado federal arnaldo vianna, submetido a uma intervenção cirúrgica...Como não houve outro blog que tivesse feito comentários dessa natureza, aí vai...

Geralmente, não perderia meu tempo com réplicas a esse tipo de argumento pobre e manipulador...Não gosto de dar "moral" a quem patina na falta de competência, e na audiênia traço....

Mas agora a coisa é um pouco mais grave, e trata-se de uma orquestrada estratégia de ataque a esse espaço, que começou com o nelson cahim, no púlpito da casa de telhado de vidro, reverberou no jornal o(r)di(n)ário, infestou nosso espaço de comentários, e por fim, terminou nas palavras ignóbeis do pateta zumbi...

Vamos, uma por uma, desmontar a farsa que tentam lhe vender...
A premissa para entender todo esse movimento "moralista" é a luta política municipal...

Não faremos, no entanto, aquele papel ridículo de "chorar pitangas", que somos perseguidos, que estamos sendo calados, como em várias situações, onde nossos adversários tecem as mais improváveis teorias conspiratórias: invasões da SMEC, e da Secretaria de Saúde, perseguição policial de fotógrafos free-lancers de revistas semanais(somos assim), greves de fome, etc, etc, etc...

Não, não, não meus quase treze leitores...Esse é o jogo, e nós estamos aqui para jogar, mas para entrar em campo é conhecer o inimigo...regra básica...
Eles querem criar um sentimento de repulsa para justificar a censura...Essa manobra é antiga: Vem lá da inquisição, passou pelo macartismo e acabou a pouco tempo, na era bush...

De tudo o que se fala aqui, o que lhes interessa é apenas a HONRA...
Ora, ora, ora que cidadãos são esses que se preocupam muito mais a falar de HONRA, a praticar atos HONRADOS...?
E vejam bem, soube que o radialista de coleira-pateta zumbi é uma pessoa de conduta HONRADA, mas me preocupa que uma pessoa assim se junte aos porcos para dividir um pouco de farelo...

Nenhuma palavra sobre as denúncias, os questionamentos, as análises do desastre que é o governo dos mil patetas...Nada sobre a falta de transparência, a permanência dos servidores piratas, o estelionato da passagem a um real, o caos das escolas municipais, o abandono da cidade, a falta de estrutura nas secretarias, etc, etc, etc...

Bom, mas vamos direto ao programa página virada...e seu híbrido de secretário e radialista, com sua fala de assessor de imprensa(ou será de imagem) do deputado federal...

1-Seria bom, antes de mais nada, que alguma autoridade com atribuição para tanto me explicasse como um rádio, dita educativa, instalada em uma instituição superior(??)de ensino cede espaço para programas com nítido viés político-partidário, uma vez que só isso explica que na mudança de ocupantes do governo local, imediatamente a grade de programação foi alterada para expulsar os oposicionistas de agora(os caolhos da cidade), e permitir a chegada dos situacionistas(os páginas viradas)...

Outra distorção grave é a comercialização descarada de espaços publicitários, com o "disfarce" canalha de "apoio cultural"...

Por fim, resta o conflito grave de interesse, onde um secretário de governo comanda um programa radiofônico, aparentemente sem vínculo com a pmcg, e posa de jornalista, para revestir suas opiniões pró-governo de mentirosa imparcialidade...E onde há "compra" de espaços publicitários pela SECOM da PMCG...

Não há nada demais em expressar uma opinião situacionista, mas há espaços próprios para tanto: imagine a Teresa Cruvinel com sua coluna no Globo e suas funções na TV Brasil...E o Franklin Martins no Jornal da Band e como Secretário de Comunicação de Lula...Essa lição de ética parece que o radialista de coleira faltou, ou não houve essa matéria...Se é para isso que os jornalistas querem diploma, é bom não estudarem nesse curso onde estudou o radialista de coleira...

2-O radialista de coleira disse em alto e bom som que "alguns blogs" teceram comentários inapropriados sobre o deputado, e fizeram piadas de mau gosto com o estado de saúde do deputado, e que nos interessa é sua atuação pública é que nos interessa, e não a vida pública...Só a TrOlHa fez esses comentários, repito...

Bom a foto aí de cima desmentiria por si mesma a "apaixonada defesa" da privacidade do deputado, feita pelo radialista de coleira, que a procura de vestir um figurino de imparcialidade de botequim, citou um adversário para parecer mais nobre, e dar ênfase ao comentário...

Caro radialista de coleira, uma pessoa que se expõe ao ridículo, como fez o deputado, na busca de criar factóides a partir de questões privadas, não pode ter sua intimidade preservada em nenhum comentário, muito embora, diga-se de passagem que a defesa foi sua, e não dele, que parece não estar ligando a mínima para tal peculiaridade, e sim nos votos e repercussão que isso possa causar...

Mas aí você, que parece ter alguns neurônios nessa cabeça de seguidor do culto da lapa, diria que a foto surgiu depois dos nossos comentários, o que revelaria, de nossa parte, certo oportunismo canalha que vocês conhecem tão bem...Mas ela é só uma ilustração da tese que defendemos logo abaixo, não tenha pressa...

Não custa lembrar que o deputado, assim como seu chefe, o napoleão da lapa, já se utilizaram de episódios da "intimidade" para chantagear a opinião pública há muito tempo: Lembra-se da internação repentina do deputado, quando foi instado a ser apeado do poder, através de oficial de justiça, e nessa "internação" posava para as câmaras nesse momento tão "íntimo"...

Ou o napoleão da lapa que se "fechou" em um "aquário" para que todos acompanhassem sua greve de fome, ou como querem alguns, a dieta da jujuba...Compartilhava com todos o sua rotina diária, salpicado de dramalhão mexicano...

Teve até uma foto do seu médico particular, a lhe medicar...Não seria esse um momento íntimo...? Uma relação inexpugnável médico-cliente...?
Políticos, ou outras "celebridades" que utilizam suas "intimidades" para se relacionar com a mídia, ou com a tividade que praticam, abdicam dessa privacidade...Políticos que alimentam o nepotismo com essas relações baseadas em escolhas pessoais, e não partidárias e coletivas, submetem esses familiares ao escárnio e fiscalização populares...

Essa dica fica de graça para vossa mercê...

3-De resto, não custa lembrar ao radialista de coleira, que piadas e comentários de humor negro são comuns e tolerados em todo mundo civilizado(aah, não é nosso caso, claro, não somos civilizados em Campos dos G...)...

Gostar ou não, é uma escolha individual, e como  vossa mercê pode ler, todos os comentários sobre as impressões pessoais dos leitores foram registradas...

Ainda que o texto se referisse a "morte da vida política" do deputado, e não a vida do paciente...E eu sei que ler a TrOlha às vezes é difícil, pois utilizo muito linguagem figuarada e duplos sentidos, e em uma cidade que após 20 anos de poder do "muda campos" ainda registra níveis africanos de IDH, causando certa confusão, até em pseudo-letrados, como certos radialistas de coleira, o que não é o caso de vossa mercê...

E creia, caro radialista de coleira, é meu direito falar da morte, ou dos meus agouros de morte de qualquer um...

Pior é participar de governos que matam, DE VERDADE, com sua incompetência, o que não deve ser o seu caso...

Pior é defender a privacidade de quem não se priva de nos privar de tudo, para depois nos "vender nosso direito como favor", em troca do nosso voto, o que não deve ser o seu caso...

Mas tudo isso é "página virada"....
Não mais incomodarei meus leitores com esses ataques, e o jogo continua...

16 comentários:

DouG disse...

Simplesmente perfeito.

Parabéns Xacal!

Anônimo disse...

Xacal ,não foi areia,esta entrou com brita e tudo mais, alias merecidamente.

Xacal disse...

Pois é...sem soberba, mas quem fala o que quer, ouve o que não quer...não é verdade...?

Flávia disse...

Mais uma vez...arrasou!!

Anônimo disse...

Você é F--- cara, mas tinha que colocar essa foto aí de novo, que nojo!!

Anônimo disse...

Não é por acaso que ele tem o apelido de "Rato" como sobrenome. Sempre mamou nas tetas. Quando Garotino e Rosinha estavam no estado, sempre foi funcionário fantasma da fenorte. Aliás, ele e "Feiamara".

Mauricio Oliveira disse...

Ano passado, enquanto Garotinho se digladiava com Marcos Bacellar através da rádio, o tal secretariozinho-zumbi dividia suas atividades entre o jornaleco O Diário e uma assessoria de imprensa na câmara Municipal de Campos. Se não me engano, ele assessorava o próprio Bacellar. Alguém poderia confirmar isso pra mim? Ao que parece o rapaz nunca teve o menor pudor em servir a deus e ao diabo ao mesmo tempo.

Anônimo disse...

Xiiiiiiiiiiiiii

Um "rato" caiu na ratoeira. Será esse rato, de esgoto?

Anônimo disse...

E ninguém comenta sobre Obama falar que "Lula é o cara"!
Lula está demais!
É muito prestígio pra uma pessoa só!!
Morram de inveja!!!

Roberto Torres disse...

Grande Xacal, estou um pouco alheio aos blogs e voltei hoje para dar uma olhada. Do catece a sua resposta e a sua postura. A coragem assusta e torna-se até mesmo incompreensível para os covardes da coleira. Se campos tiver que mudar, esta mudanca só poderá ser feita com a ajuda do trabalho de crítica cujo melhor exemplo é o seu blog.

Gustavo Landim Soffiati disse...

Comentei a foto ("Grotesco é elogio!"). Por isso, como, segundo você, o jornalista em questão falou que "'alguns blogs' teceram comentários inapropriados sobre o deputado", talvez o meu esteja incluído na lista.
Mas meus comentários se basearam numa constatação muito bem exposta por você: "uma pessoa que se expõe ao ridículo, como fez o deputado, na busca de criar factóides a partir de questões privadas, não pode ter sua intimidade preservada em nenhum comentário". Ou será que nada é tão ruim que não possa ser piorado, e, nesse caso, nós é que, ao comentarmos o estado de saúde e/ou a foto do ex-prefeito, demonstramos a procedência de tal afirmação? Penso que não. Para usar um outro ditado, ainda mais surrado que o anterior, pode-se dizer que uma imagem vale mais que mil palavras...

Xacal disse...

Soprador, meu caro...

desculpe a deselegância de não citar o seu blog, e seu comentário, aliás, muito pertinente...

é que confesso, estava tão afoito para responder, e como não chegava em casa nunca, quando o fiz, foi meio de sopetão, sem raciocinar muito...

por isso o texto saiu tosco, e nele cometi a injustiça com você e seu espaço...

um abraço...

Anônimo disse...

Dizem as más línguas que aquele período em que Arnaldo esteve internado quando prefeito não era isquemia não. Foi esqueminha.

Marcio Pereira.

Anônimo disse...

Foi meu médico muito querido, pena que como prefeito não demonstrou a mesma competência.

Gustavo Landim Soffiati disse...

Não é preciso se desculpar. Não vi deselegância alguma no fato de não ser citado. Só quis me incluir entre os possíveis "acusados" de tecer comentários inapropriados sobre o deputado para dividir a responsabilidade com você.

Chinoca disse...

Xacal,
Se a exposição da "barriga da discórdia" surtir efeitos positivos como o da "dieta da jujuba" temos que comemorar. O efeito da "dieta da jujuba" sepultou, graças aos anjos, o sonho do "napoleão da lapa" de ser presidente da república!!! Amém! Foi o maior fiasco público da história brasileira de um suposto líder político de ascendência nacional!