quarta-feira, 29 de abril de 2009

Outros 100 Dias...

A imprensa internacional dá destaque, como não podera deixar de ser, aos primeiros 100 dias de governo do presidente dos EEUU, Barak Obama...

Ao redor do mundo, não se sabe bem o porquê, o número 100 passou a ser uma marca emblemática para as gestões que se iniciam...Quase um número cabalístico...

É interessante notar que Barak Obama tinha pela frente o desafio de implementar medidas significativas contra uma crise mundial, originada em boa parte pela "farra financista", no qual a economia e o mercado de seu país tem papel de liderança, e ao mesmo tempo, demarcar uma diferença drástica em relação a administração anterior...

Guardadas gigantescas diferenças, não é leviano afirmar que na Casa Branca e na pmcg havia uma "herança maldita" a ser debelada...

Agora comparemos o teor dessas "heranças", e o comportamento dos nossos personagens...

Mesmo que se argumente que se tratam de perfis absolutamente distintos, com carreiras políticas diferentes em universos distantes, não custa lembrar que os nossos patetas da lapa vivem a propagandear suas "capacidades" de estadistas, que lhes dão estofo para sonhos mais altos de poder...
Portanto, quem quer posar de "estadista" deve ser comparado a estadistas...

Enquanto Obama sequer menciona seu antecessor, e ataca de frente a crise gigantesca, e de proporções planetárias, que lhe foi transferida, e aponta firmemente da quebra de paradigmas e princípios da administração passada, demonstrando aos seus eleitores e ao mundo, que os EEUU estão a caminho da MUDANÇA, por aqui nossos patetas da lapa não fazem outra coisa a não ser citar os adversários políticos o(r)di(n)ariamente, escondendo suas verdadeiras responsabilidades em erros alheios, e pior: Repetindo os mesmo equívocos e métodos de gestão que foram eleitos para mudar...

Não há dúvidas que Barak Obama assumiu para si a tarefa de mudar a compreensão que o mundo e os estadunidenses tinhasm dos EEUU...

Abertura de arquivos da CIA, fechamento de Guantánamo, etc, etc...

Ações, fatos e não somente propaganda e lamentação...

Enquanto Obama mantém sua popularidade e aceitação, a despeito de erros e percalços, nossos patetas afundam sua credibilidade em escândalos, prisões, compras sem licitações, e etc...

De acordo com pesquisa da CNN, repercutida no New York Times, Obama detém 68%de aprovação, 70%dos entrevistados têm esperança de melhoras no futuro e 75% desses entrevistados aprovam as qualidades pessoais do presidente... 

A piada é desgastada, porém atual: Os estadunidenses têm 100 dias de governo, e nós estamos SEM governo há cem dias... 

2 comentários:

fernando torres disse...

Xacal, sou obrigado a discordar de você, espero que aceite, proque CAMPOS É UMA CIDADE 100: 100 EMPREGO, 100 TRANSPORTE, 100 LAZER, 100 SAÚDE e 100 PREFEITO.
CONCORDA?
Fernando Torres

Xacal disse...

concordo, mas não creio que a expressão SEM governo engloba todos esses setores, ou não..?