terça-feira, 14 de abril de 2009

TrOlhadinHas...

TrOlHadinhas, como sabem nossos 04 ou 05 leitores mais antigos, são nossas perguntas incômodas, mas necessárias, como os impostos...

Você confiaria em um piloto de avião que fraudou apenas duas ou três letras no seu exame de vista para tirar o brevê...?

Você confiaria em um cirurgião que "colou" em apenas uma ou duas questões do seu exame de residência...?

Você, torcedor, comemoraria o título de seu time, sabendo que ele "comprou o árbitro" naquele jogo contra o fraquíssimo Íbis...?

Você comeria aquela pizza no restaurante, sabendo que o pizzaiolo deixou cair só uma minúscula melequinha no molho...?

Você abasteceria seu carro, novamente, em um posto que fraudou menos de 2% do combustível que te venderam...?

Você acreditaria em eleições que você soube que uns 600 ou 700 votos foram comprados, mesmo em um universo de 300 mil votos...?

E, finalmente: você colocaria esse piloto, o cirurgião, o árbitro, o pizzaiolo, o gerente do posto, em funções de destaque em seus respectivos locais de trabalho, como "prêmio" por essas condutas...?


29 comentários:

Anônimo disse...

Segunda-feira, 13 de Abril de 2009
Calil foi o segundo nomeado por Rosinha

O sub-secretário adjunto de Governo, Thiago Machado Calil, preso hoje pela PF acusado de integrar um esquema de compra de voto em Vila Nova, foi a segunda pessoa nomeada pela prefeita Rosinha Garotinho no dia primeiro de janeiro. A portaria de nomeação (confira abaixo), é a de número 002/2009, publicada na versão on line do Diário Oficial no próprio dia primeiro de janeiro. A portaria 001 foi a que nomeou Roberto Henriques.

Portaria N° 0002/2009
A PREFEITA DO MUNICÍPIO DE CAMPOS DOS GOTACAZES, no uso de suas
atribuições legais,
RESOLVE, nomear, com base no Decreto nº 001/09, Thiago Machado Calil, para
exercer na Secretaria Municipal de Governo, o cargo em comissão de Subsecretário Adjunto, Símbolo DAS –
02, com vigência a contar de 01/01/09.
PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPOS DOS GOYTACAZES, 01 de janeiro de 2009.
Rosinha Garotinho
Prefeita

Anônimo disse...

E olha que ela nem conhecia o cara.....

Anônimo disse...

ENTREVISTA > MARCUS ALEXANDRE

"Não vou ser boi de piranha"

Antonio Cruz
Ex-vereador pelo PT do B, Marcus Alexandre quebrou ontem o silêncio que manteve durante quase todo seu mandato, quando foi suspeito de compra de votos durante a campanha de 2008 e irregularidades na campanha de 2004. Ele afirma que seus problemas com a justiça são "perseguição" por parte do grupo do ex-governador Anthony Garotinho, por ter rompido com ele e apoiado o prefeito Alexandre Mocaiber. Marcus Alexandre diz, ainda, que foi levado por Thiago Calil - então seu cabo eleitoral - para conversar com Garotinho, que teria lhe feito duas propostas para apoiar a candidatura de Rosinha: a primeira de R$ 400 mil e a segunda de R$ 30 mil semanais.

Folha da Manhã - O que há de verdadeiro na informação da Polícia Federal de que houve compra de voto praticada em favor da sua candidatura e a da prefeita Rosinha?
Marcus Alexandre - Thiago Calil realmente me apoiou em Vila Nova. Conheci Garotinho através de Thiago Calil. Fui ao encontro de Garotinho por intermédio do Thiago. Ele não é do PMDB, ele é Garotinho. Ele forçou a barra para que eu fechasse um acordo com Garotinho.

Folha - E isso aconteceu quando?
Marcus - Uns sessenta dias antes da eleição de 2008. Fui levado até o Garotinho pelo Thiago. A primeira vez em Campos. E Garotinho me fez uma oferta.

Folha - Quanto ele te ofereceu?
Marcus - R$ 400 mil. A metade cinco dias depois do encontro e a outra metade seria depois.

Folha - E o que ele queria?
Marcus - O dinheiro era para que eu apoiasse Rosinha. Na hora eu expliquei que iria pensar.

Folha - Mas foi falado algo sobre compra de voto?
Marcus - Não, não falou nisso. Mas o fato é que eu rejeitei. E ainda teve uma segunda proposta, no Rio. E Garotinho mudou a proposta. Estava bem em cima da eleição. Em setembro ele queria me dar por semana. Seriam R$ 30 mil por semana. Nessa reunião, o Thiago estava presente e o Ricardinho também.

Folha - Quem é esse Ricardinho?
Marcus - Ele trabalhou comigo e, atualmente, é assessor do deputado Wilson Cabral. Ele inclusive levou o deputado para fechar com Garotinho. Inclusive eu estava lá no dia.

Folha - Essa segunda reunião foi em que local no Rio de Janeiro?
Marcus - Eu não fui dirigindo, mas, se não me engano, o escritório fica em Botafogo.

Folha - E como você procedeu após a proposta?
Marcus - Eu tinha um compromisso com o então prefeito Alexandre Mocaiber. E não aceitei a proposta de Garotinho.

Folha - E agora, por que seu nome está envolvido nesse esquema de compra de votos?
Marcus - Venho tendo problemas com a Polícia Federal há muito tempo. E Thiago foi orientado, possivelmente para tentar desviar o foco de Rosinha, a dizer que a compra de votos foi para Marcos Alexandre. E não é. Não pratiquei esse tipo de coisa. Estive em Vila Nova apenas uma vez. Ajudei o distrito de Vila Nova com carro de luz, ajudei com caminhão de fossa, através do Thiago. E fiz uma única reunião em Vila Nova, onde em momento algum foi falado em compra de voto.

Folha - Quando você fala nessa possível estratégia de Garotinho para desviar o foco, você acha ou você sabe disso?
Marcus - A compra de voto para ajudar Rosinha está tão caracterizada, que Thiago tem um cargo no governo. Ele é subsecretário adjunto de Governo. Recentemente teve um processo pedindo a cassação do meu diploma através de Edson Batista. Todas as pessoas ligadas a Garotinho. Nessa confusão toda, Garotinho precisava de alguém para desviar o foco. Eu seria um "boi de piranha".

Folha - Você falou sobre uma oferta de Garotinho. Houve outras ofertas antes dessa?
Marcus - Nesse tempo que estou na política, não foi a primeira vez que rejeitei uma proposta de Garotinho. Já devo ter rejeitado cerca de R$ 1 milhão. Teve uma na eleição para a presidência da Câmara, que não aceitei porque votei em Alexandre Mocaiber. Ele me ofereceu R$ 200 mil, chegando a R$ 400 mil. Eu tinha dado a minha palavra a Carlos Alberto Campista. E depois, em 2006, teve a proposta de R$ 250 mil para apoiar Pudim. E eu não aceitei.

Folha - Depois da conversa em setembro do ano passado, você teve mais algum contato com Garotinho?
Marcus - Não. Perdi a eleição e no segundo turno não conversei com ele. No segundo turno apoiei Arnaldo Vianna.

Folha - E com Calil?
Marcus - Só estou sabendo dele agora. Após a derrota na eleição, nunca mais vi Thiago. Até liguei pra ele, mas não me atendeu.

Folha - Você já teve outros problemas com a Polícia Federal. Como analisa o fato do seu nome estar envolvido mais uma vez?
Marcus - Tive vários problemas e tenho uma imagem negativa com a justiça. No meu primeiro mandato, o processo já tinha um ano e meio, e tive o meu primeiro mandado do prisão. A alegação era de que eu teria ameaçado uma pessoa. Pode procurar a minha ficha criminal para ver que nunca ameacei nem matei ninguém. E pessoa que fez essa denúncia não é muito boa das faculdades mentais.

Folha - Você tem notícia de que houve compra de voto nesta eleição de 2008?
Marcus - Tenho, sim. E houve por parte do PMDB. Não só em Vila Nova, mas em todas as parte da cidade.

Folha - E por parte de Arnaldo, houve compra?
Marcus - Não, não houve.

Folha - E algum candidato a vereador?
Marcus - Eu desconheço.

Folha - Se você sabia que houve compra de votos por parte de Rosinha, por que não denunciou?
Marcus - Para a justiça, devido aos processos, tenho uma imagem negativa na Justiça Federal, na Eleitoral. Então, o que adiantaria se eu falasse alguma coisa? Foi pego R$ 318 mil no comitê de Garotinho em 2004. Que eu saiba o dinheiro está sob a custódia do Suledil. Ele foi aquela pessoa que coordenou o cheque cidadão em 2004. Eu posso dizer porque eu estava lá. Sei o que passou. Eu desafio qualquer pessoa do PMDB a dizer se me deu alguma coisa para que eu ganhasse a eleição. Depois que rompi com eles, após a eleição de 2004, começaram as perseguições. Cecília (Ribeiro Gomes, atual secretária de Trabalho e Renda) com os contatos dela.

Vate Füder disse...

Publicado em 07/10/2008, no site da Globominas:

"Prefeito é eleito com um voto de diferença em relação ao segundo colocadoUma cidade do sul de Minas dá o exemplo de que o voto vale muito e pode ser decisivo nas eleições. Em Arantina, a diferença entre o prefeito eleito no último domingo e o que saiu derrotado foi de apenas um voto."Como que 700 votos não fazem diferença?

Cadeia neles! Xô, Rosinha!

Amadeu disse...

Extraído de: Estadão - 30 de Junho de 2008

BRASÍLIA - O número de prefeitos cassados por corrupção eleitoral cresceu 16,7% nos últimos quatro anos em relação ao período 2000 a 2004. É o que aponta cruzamento de dados da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) e da Justiça Eleitoral. Entre os eleitos em
2000, 72 prefeitos foram cassados por irregularidades cometidas durante a campanha. Já entre os eleitos em 2004, 84 foram degolados por infração à legislação eleitoral.

Resultado atualizado pela CNM às vésperas do início da campanha municipal, marcado para o domingo, mostra, ainda, que 296 cidades, de um total de 5.562 municípios, tiveram troca de prefeito desde 2004. Dos 296 afastamentos,
60,5% (179) se deu por cassação de mandato. Entre as cassações, mostra o levantamento da CNM, o principal motivo é a infração à legislação eleitoral (84), ato de improbidade administrativa (27) e crime de responsabilidade (23) e infração político-administrativa
(14).
PELA CASSAÇÃO DE ROSINHA GAROTINHO, JÁ!

Axl disse...

Ainda que Juridicamente não seja possível estabalecer os resultados da investigação da PF, uma coisa é certa: todo o processo eleitoral que levou Rosinha ao poder - se é que isso na prática aconteceu - encontra-se política e moralmente deslegitimado.

Toda a encenação midiática da campanha eleitoral, que pretendeu dar ares modernos e republicanos à então candidata, mostrou que de fato era pura encenação, embuste, acompanhado da exploração da pobreza de parte da população de que se seduz por programas de assistências de eficácia prá lá de duvidosa.

celio marins disse...

todos do governo sabiam a forma que o Calil usou para angariar votos em vila nova, o Roberto Henriques sabia, Rosinha sabia, eles não nomearam ele como secretario de governo adjunto so porque ele é bonito, ou foi isso?

Marins disse...

na verdade este governo começou mostrando que feio para marcar a cidade, quantas pessoas trabalhavam na pelucio e facilit que hoje estão na rua desempregados,e em seuis lugares entraram partidarios de rosinha, isso é uma covardia.

Anônimo disse...

Por muito menos campista foi caçado... Claro que o esquema do arnaldão não deixava nada a desejar para o de rosinha, aliás, excelente aprendiz de garotinho...
Campos só sairá do lamaçal podre, quando toda essa quadrilha, não digo presa, pois faltará xilindró, mas com todos os bens adquiridos ilegalmente confiscados e vivendo com um salário mínimo!!!
A cidade toda cheira a falcatruas: ninguém respeita nada, tudo é permitido... Coitado (a) daqueles (as) que agem corretamente: ainda são motivos de zombaria... Não existe lei, reina a permissividade...
S O S Campos!!!

Anônimo disse...

Esse tal de Marcos Alexandre é mesmo um safado mentiroso... Como viu Wilson Cabral, se esse afirma que tem pra mais de 2 anos que não ver a cor desse sujeito... Será que ele combinou com a folha de embrulhar peixe, pra tentar abalar a boa imagem que o Deputado tem!? Eta povinho invejoso... que vive incomodado com o sucesso dos outros...
Wilson Cabral, vc está incomodando... acelera menos! Porque essa gente quando fica pra trás, é isso aí... È uma merda!

laura disse...

Por que ao invés de ajudar, boa parte dos blogueiros só enxergam defeitos???????????

Incrível o que acontece por aqui!!!

Anônimo disse...

Ele (pinoquinho) esta achando que 1% dos votos não será considerado crime eleitoral, por muito menos tem gente presa... Crime é crime... aliás ele conhece muito bem, só não teve a punição ainda...mas seu dia esta chegando...

Anônimo disse...

Isso é só o que foi descoberto, mas todos sabem que a compra de votos correu solta pelo interior, tanto o grupo de Arnaldo Viana, como o grupo dos Garotinhos compraram milhares de votos.
Mas claro, o cara de pau do Garotinho jamais comete irregularidades, somente os outros políticos cometem. O que ocorre com Garotinho é que ele sofre uma enorme perseguição política, principalmente do partido chamado PF (Polícia Federal).

Sérgio Provisano disse...

Pelo pouco que sei, o ex-vereador Marcus Alexandre tem muito mais a falar do que já falou. O que ele falou é apenas a ponta do iceberg.

Anônimo disse...

kd o EMPREGO DOS TERCEIRIZADOS QUE SEMPRE TRABALHARAM E QUE ELA DEFENDEU EM PERIODO DE ELEIÇÃO????

DISSE QUE IRIA NOS DEFENDER???

SEMPRE TRABALHEI E AGORA FUI MANDADA EMBORAAA ...

PREFEITA MARIONETE MENTIROSAAAAAAA

VAMOS PRAS RUASSSSSS REIVINDICAR NOSSOS DIREITOS

Anônimo disse...

Pra vc Anonimo de 10:02, Wilson Cabral é uma mosca morta, não tem prestigio nenhum na ALERJ, lá eles nem sabem quem é esse Deputadinho, ele não incomoda ninguem, ele e Pudim levam na cara (litreralmente falando)e não aprendem...

Anônimo disse...

Agora inventaram uma Laura,marionete dos patetas.
Como todo facistóide tem mania de perseguição. Vai cuidar da sua cabeça louca mulher!!
Wilson Cabral? Fala sério,além de mosca morta é traidor,vendido e safado!!!

Anônimo disse...

O palpiteiro da lapa está de brincadeira, quando diz que ele e sua amada esposa não sabiam da compra de votos, será que além de palpiteiro ele sofre de uma doença degenerativa na memória,deixa de ser cara de pau menininho da lapa!!!

Anônimo disse...

Wilson cabral é o cara ....DE PAU! huahuahua

Anônimo disse...

Eh! Anônima das 14:16/18:09.
Vc não aprende mesmo!
Fala demais... não contem a língua grande! Por isso é que vc vem tentando voltar pra PMCG, e não obtem nenhum sucesso! É por causa da sua língua! Sua filha tb é assim... Põe um freio nela, que talvez vc consiga voltar mais rápido... Mas optem sempre por um único lado! Não dá pra vcs irem em várias direções ao mesmo tempo. Por isso é que vcs se queimam e nunca ninguém as querem do lado.
Sigam esse concelho pra o bem de vcs! Fique com Jesus!

Anônimo disse...

Xacal!
Esse anõnimo das 18:09 está com muita inveja e raiva. Isso faz mal pro coração,não é Xacal?
Começo a enxergar, que esse deputado tá mesmo fazendo sucesso no seu blogger, Xacal! Pois não querem parar de falar no nome dele!? Desse geito ele vai longe...
Aí garoooto!!! Vai que é suuuaaa...

Laura disse...

Por quê o sucesso de uns encomodam tanto aos outros, minha gente?
Não consigo entender! e a vida também!
Tem gente que só se alimenta falando dos outros...

CAROLZINHA disse...

Xacal,excelente seu comentário/comparação....
Resta a dúvida:será que acaba em pizza?

Vate Füder disse...

Essa história desse menininho sociopata alegar que dona horrorozinha nada sabia sobre compra de votos, me lembra uma piada.

Um bebum juramentado tomava porres homéricos todos os dias e ao final da noite sempre terminava dando o c* ao primeiro que passasse.

Na manhã seguinte, o bebum acordava com uma dor danada na região anal. Para justificar o incômodo, o bebum dizia pra si mesmo e para os amigos, que a maldita dor só poderia estar acontecendo por conta da marca da cerveja. "Maldita Skol", dizia ele, "agora vou passar a beber Brahma".

Qualquer coincidência é mera semelhança (ou será o inverso?)

Samila em Busca de FAMA e FORTUNA disse...

Holofotes mais Holofotes, é isso aí marido!!! Quanto mais exposição melhor, afinal vc não faz porra nenhuma na Alerj mesmo, pelo menos essa exposição excessiva da sua falta de carater possa pelo menos te fazer um cara lembrado no futuro. É só me imitar meu bem, viu ontem mesmo estava na inauguração na nova AL MANDALOON da Pelinca que fica em frente a xerox do Vítor. Foi um sussexo Total!!! Valeu o investimento Garotinho!!! Enquanto vcs dissecam a prefeitura, ao mesmo tempo, geram "milhares" de empregos indiretos, garçon, cozinheira, faxineira, PARABÊNS!!!

Xacal disse...

Laura, cherry...

O sucesso dos outros não me incomoda...

O problema, darling, é quando esse "sucesso" é fruto dos desvios, falcatruas e toda a sorte de sacanagem, que serve, inclusive, para manter gente como você, que das três uma:

ou estás a defender seu quinhão,
ou é paga para fazê-lo,
ou é imbecil a ponto de acreditar em papai-noel...

ou quem sabe, tudo isso junto...?

mas não se preocupe, mon coeur, titio xacal vai ser delicado com você, viu...?

parabéns a você, Laura, e a todos os "bens sucedidos" patetralhas da lapa, vocês são o mááááximo...

satisfeita, chuchu...?

Anônimo disse...

Poxa vida, Xacaaalll!
Eu já sabia que em campos, o número de invejosos é grande! Mas não tanto desse jeito...
Como apareceu carapuças tão bem encaixadas assim! Que turma raivosa é essa, Xacal?! Essa turma toda é da boquinha?
Gente, eu quero deixar um conselho pra vcs todos da carapuça: Deixem de invejar os outros! trabalhem mais...O trabalho dignifica o homem! Não dá mais pra ficar dentro de casa e mamando na PMCG. Vcs ainda não entenderam isso? inveja, ódio, e rancor, só fazem mal pro coração e pra alma!
Não deixem o brilho dos outros os afetarem. Brilhem também! Deus criou o homem para brilhar... Qdo vcs se preocupam o brilho dos outros, se esquecem que o sol nasce pra todos... brilhem também! Sorriam!!!
Espero que com essas minhas sinceras palavras,eu tenha conseguido aliviar um pouco desse sofrimento em seus corações amargurados...
Fiquem com Deus!
Abraços, Xacal!

CAROLZINHA disse...

Xacal,o tal bar da Pelinca, inaugurado ontem,é de propriedade de Wladimir Matheus(filho de vc sabe quem)e do primo dele Guilherme Abreu,que vem a ser filho da Sra.Joilza,secretária de Promoção Social.
Ai nosso dinheirinho.....

Xacal disse...

Caro comentarista das 16:37,

Nem todo trabalho dignifica o homem...o sentido da palavra trabalho é toda força humana destinada a mudar ou produzir algo...

há trabalhos destinados a cometimentos de crimes e irregularidades, como compra de votos, desvios de recursos e toda sorte de iniqüidades...

o fato de terem existido boquinhas, boquetes ou bocarras, não autoriza esse grupo(ou quadrilha??)que ocupa o poder atualmente, e os milicianos que praticam sua defesa, a exigir um salvo conduto para cometerem os mesmos erros, em nome do "trabalho"...

concordo que os antigos parasitas devem ser afastados e punidos, mas isso não supõe que novos parasitas sejam colocados em seus lugares, como vem sendo feito...

portanto, caro comentarista, suas observações parecem com o porco falando do toucinho, ou melhor, o sujo falando do enlameado...

até agora a única coisa que os mil patetas conseguiram fazer mais rápido que os telhadeiros foi trazer a PF...em três meses...

um abraço, e vá trabalhar direito...!