quarta-feira, 6 de maio de 2009

As vítimas de sempre...


Ninguém seria ingênuo a ponto de imaginar que a chegada dos Democratas  a Presidência dos EEUU fosse, em um passe de mágica, inverter a lógica sangüinária da política externa estadunidense...

Foi assim no conflito Israel x Palestina, na Faixa de Gaza, onde se reafirmaram os laços históricos entre o governo sionista e os comedores de hambúrgueres...

Metido em enclaves como o Iraque e Afeganistão, os estadunidenses mantêm a máxima de que a melhor defesa é o ataque...

O problema é que nas guerras as primeiras vítimas são sempre as mesmas: os civis e a verdade...

No jornal El País de hoje, em sua página eletrônica, há o relato dos integrantes da Cruz Vermelha na região de Farah, Afeganistão, próximo a fronteira com o Paquistão, de que mais de cem civis mortos foram mortos após intenso bombardeio aéreo das forças de coalializão lideradas pelos EEUU...

No corpo(não é trocadilho)da matéria o de sempre: reações "indignadas" das "autoridades afegãs", na verdade, títeres dos invasores, promessas de apurações dos invasores, escalada de violência e muitos corpos...

O manto da popularidade de Obama começa a se manchar com sangue dos inocentes...


Foto: El País.

Nenhum comentário: