sexta-feira, 19 de junho de 2009

A "neve" campista...

Não, não, não caríssimos treze leitores...Muito embora o jet-set do Riviera Pelinca esteja agitado, e nossas "locomotivas sociais" afiem os "cascos" para a Exposição Agropecuária, onde desfilarão seu charme em botas, bolsas, écharpes, e todo o aparato fashion para enfrentar nosso friozinho fake, ainda não temos os flocos brancos a tingir a lama da planície...

Por aqui, cai é fuligem, como símbolo de uma cidade que parou no tempo...

Resultado da queima de canaviais em época da colheita de cana-de-açúcar, o nosso "pó-preto" se entranha por todos os cantos, e nos coloca reféns em nossas próprias casas, trancadas, vedadas, e sem qualquer chance de ventilação, para evitar a invasão de sujeira...

Se por um lado, temos o trabalho análogo a escravidão em usinas como a Santa Cruz, junto com a má gestão que fecha essas unidades industriais em pleno boom dos biocombustíveis, por outro lado, temos na outra ponta desse processo agro-industrial, a lavoura, a repetição de uma tradição equivocada, tanto pelo aspecto ambiental, quanto pelo econômico...

É certo que reconhecer a natureza estratégica do setor, requer do poder público uma política pública que o viabilize, mas diante desse quadro desolador de ineficiência, agressão as leis e ao ambiente, fica a sensação de que investir recursos públicos nessa atividade é "queimar" dinheiro...

Mas não há dúvidas: Enquanto não cumprir as exigências e a Lei, esse setor não merece um único e mísero centavo do Erário...

6 comentários:

Anônimo disse...

É verdade Xacal, moro aqui na rua do lado do Boi Zebu, final da Pelinca, é triste ver como esse problema persiste, e parece não ter solução.
bjos
Leitora, viciada no seu blog

Anônimo disse...

...,

Pois é, então !
As exigências da lei, desde aaa muito tempo não são(foram) cumpridas.
Quem não se lembra de um dignissimo "empresário(s)" de Campos que mamava(m) nas tetas do governo via IAA e colocou para o imprensa nacional(via jornal do brasil) a celebre frase:
" devo não nego, pago quando puder !"
Na verdade o empresário era o maior devedor nacional de impostos para com o governo brasileiro.
Por conta da notícia de primeira página no jornal do brasil, teve até jantar de desagravo da local society !
Sabemos que por conta dessa e de outras, o nosso ouro branco(pó branco) se foi e deixou de ser.
Vivemos do fomos, enquanto existir coisas tipo exposição agropecuária...onde desfilarão seu charme em botas, bolsas, écharpes, e todo o aparato fashion para...expor!
O que ainda simboliza um continuismo tecnológico e administrativo estagnado no tempo, é que o pó preto...continua e continua caindo na nossa varanda.


abs. xacal

Anônimo disse...

E O SECRETÁRIO DO MEIO AMBIENTE????
Aquele,que se fez pOlÍtIcO(assim mesmo,cheio de altos e baixos)falando em nome:
- da Ferrovia,
-da Desonestidade dos outros,
-do caráter dos POL....de Campos,
Tanto fez que agora está no Meio Ambiente,que tanto "ridicularizou",deixando evidente,que falava,desdenhava...com certeza,porque queria "comprar" mas não podia,então fez por "merecer"............
ESTÁ NA LAMA NEGRA e agora??????????????
Já imaginam a resposta.
KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Anônimo disse...

"...Garotinho determinou ao seu pirilâmpo, antes de assumir o cargo de Presidente do CNS, que não realizasse nenhuma reunião até segunda ordem e determinação está sendo religiosamente cumprida, o que está acarretando a falência da saúde no Município de Campos por ordem e graça do Sr. Garotinho..."
COPIEI ESSA ,DE CIMA,DO BLOG DE UM CAMPISTA......
Minha opinião a respeito ,está abaixo.


A "segunda ordem"só vai acontecer,depois que 10% dos que usam os ônibus com passagem a 1 real,MORRAM,para então "ampliarem" mais 10% em compra das AÇÕES das EMPRESAS de ÔNIBUS,do município...........
FALA G..O....O!

Anônimo disse...

Ops! Pensei que fosse se ater àquela neve que insiste cair sobre pias nos banheiros das casas noturnas pretensamente chiques da cidadezinha do interior e noutros tantos cantos. De acordo com "experts", por aqui, até essa neve tem qualidade duvidosa. Cheira que é de uva!

Anônimo disse...

FEDE ......é de ROSA PODRE!