quinta-feira, 4 de junho de 2009

Quando a exceção vira regra...

Na administração pública, não há como escapar das emergências, e outras circunstâncias que impelem o governante a adotar medidas de exceção para garantir o bem estar comum, ou de setores gravemente atingidos por tragédias ou pela própria ação do governo e de outros agentes sociais...

O legislador tratou de permitir ao governante, a possibilidade de contratar bens, sevirços e mão-de-obra, para suprir as emergências...

No entanto, embora as emergências não sejam previsíveis, caso contrário não se chmariam desta forma, é possível, e obrigatório ao governante estupular minuciosamente o tamanho do estrago, e os meios exatos empregados para diminuí-los...

Em Campos do G., emergência virou sinônimo de gestão, e sob o signo da precariedade vão sendo construídas todas as ações desse governo, ainda que o tempo tenha se encarregado de permitir um planejamento e uma ação pró-ativa que afaste a necessidade de executar contratos temporários e toda a sorte de dispensas e simplificação dos certames licitatórios....

O caso dos terceirizados, agora re-contratados, é exemplar...

Nenhuma solução foi colocada ou sequer proposta pela administração pública local para que o problema da contratação de mão-de-obra pela municipalidade...

Continuam as mentiras, a manipulação de dados, a distorção de todos os princípios de Direito, em nome da adoção de práticas anti-republicanas, clientelistas e eleitoreiras...

Tudo isso nas barbas das Autoridades responsáveis, nesse caso o MPE, que assim, tem a sua credibilidade corroída, que se esvai pelo ralo comum, junto com as promessas de "ajustamento de conduta" não cumpridas...

Um chute na "santa Democracia"...

14 comentários:

Tramem disse...

Com certeza, agora quem era nepotista vira assessor , consultor, e tudo com as bençãos da lei, da lei? isso pode????

Mesper disse...

Obituário, premonições e outras cositas más...

Arilza Izar
Beth Campista
Cicinha Chagas
Heloisa Motta
Regina Cardoso de Mello

Gayrotinho disse...

Esses pseudointelectuais de CG, ainda criam uma história dessas :
Eu como cidadão nesse momento de desespero pelo qual passa nossa cidade e analisando esse lindo conto entre uma rosa e seu jeguinho, só consigo me sentir humilhado por ser representado não só na prefeitura mas nos meios de comunicação por pessoas capazes de proferir tão vergonhosa babaquice e como já disse Mester ( como se tivesse descoberto a pólvora ) o Inferno está cheio de boas intenções e o Diabo é Rei no quesito Show pirotécnico.

"Quando Rosinha chegou à prefeitura, todo mundo dizia e afirmava que o cavalo que ela ia montar, era um cavalo manhoso. Eu mesmo cocei a cabeça durante a posse da prefeita e pensei: Esse cavalo que Rosinha vai montar, é um cavalo viciado: não está acostumado a ver povo, não vai andar no meio da multidão, não sabe o caminho para ir a Brasília, enfim, é um cavalo difícil de perder a manha, cavalo acostumado a viver na cocheira e só comer alfafa escolhida.

Tenho certeza que Rosinha vai se enrolar com esse cavalo. Rosinha tomou posse, trouxeram o cavalo para ela montar, Rosinha olhou o cavalo com calma, mas percebeu que o cavalo só gostava de ir para a cocheira: deitar e comer, trabalhar mesmo, nada.

Rosinha pensou, pensou: Como é que esse cavalo vai me levar para ir a Brasília, andar no meio do povo para abertura do carnaval, distribuir as passagens de ônibus, casas populares, enfim, esse cavalo vai ter que dar duro. Não houve alternativa: ou tiro a manha do cavalo ou fico sem cavalo.

Como não podia ser de outro jeito, Rosinha mandou encostar o cavalo e montou. Quando o animal viu a multidão na Beira-Rio na folia do carnaval, percebeu que, quem estava em cima queria ver o povo de perto. O cavalo chiou, chiou, mas acabou indo para o meio de multidão, depois obedeceu e seguiu os novos caminhos da prefeita. Dizem até que durante a cerimônia da entrega do cheque cidadão, o cavalo se portou tão bem que demonstrou satisfação ao ouvir os hinos religiosos que foram cantados dentro do Trianon.

Na verdade, o cavalo manhoso perdeu a pose e as manias, não se importa mais com barulho, come qualquer coisa que estiver ao alcance, está dando economia em vez de despesa e quando não apanham para ir trabalhar, acha ruim e fica gritando na cocheira.

Rosinha agora anda satisfeita com o cavalo, já nem parece aquele velho cavalo manhoso que só saia da cocheira para beber água e quando percebia um pedaço de pau no chão, saltava feito louco pensando que era uma cobra.
O povo que tinha perdido as esperanças em novos projetos e já estava acostumado com a lentidão do processo administrativo da cidade de Campos dos Goitacazes, hoje se encontra noutra fase e aplaude a prefeita nas festas e nas inaugurações dessas idéias novas para velhos problemas."

Autor : um tal de pereira pinto, que pra mim não passa de uma besta comprada.

Sérgio Provisano disse...

O que se viu Xacal, a partir desse tal de TAC, foi um festival de descumprimento das normas estabelecidas pelo MP, com a contratação de pessoas que nunca fizeram parte da lista de terceirizados, gente nova aos borbotões.

Agora vemos a tentativa de reativar o PSF nos moldes anteriores apesar de ter sido realizado um concurso público que NÃO será homologado segundo declarações de secretários da prefeita, e olha que há uma determinação do juiz federal para que tal homologação seja feita. Até o presente momento não homologam e fica tudo por isso mesmo.

Temos a questão do nepotismo que até agora só atingiu a uma meia dúzia de peixes pequenos, os grandes continuam tranquilos e calmos, na certeza de que nada ocorrerá.

Aquilo que durante a campanha eleitoral foi tão criticado pelo grupo da prefeita, está sendo praticado na maior cara-de-pau pelo mesmo, sob as vistas das autoridades que estão ficando desacreditadas pela sua inércia e acomodação e porque não dizer conivência?

Anônimo disse...

Xacal, temos ainda nepotismo na contratação de buffet. Explico: o TCE-RJ está em Campos com sua escola de gestão ministrando uma série de cursos de capacitação para servidores públicos daqui e da região. professores e alunos SÃO agraciados com 2 coffe breaks, um pela manhã e outro a tarde de nível 5 estrelas, nada a reclamar só elogios, porém o buffet é do "CAFE COM ARTE" DE PROPRIEDADE DE D. NORMILDA VIEIRA MULHER DE NELSON AFONSO IRMÃO DE CHICÃO E PRIMO DE GAROTINHO . SERÁ QUE HOUVE LCICITAÇÃO OU FOI NAQUELA BASE DA COMPRA DIRETA ATÉ R$ 8.000,00 - COM A PALAVRA A PREFEITURA E SEU CONTROLADOR.

Anônimo disse...

Quero saber como fica a promessa de campanha de plano de cargos e salários para os concursados dessa prefeitura que só prêmia o pessoal da boquinha. Tira-se terceirizado que era Arnaldo e coloca-se terceirizado que é Rosinha, em cargos altos, salários altos e concursado você não acha um sequer que tenha sido promovido, nem os que eram Rosinha.....será que essa perseguição com os concursados é porque eles também não são ou eles acham que concursado não vota também?

Vate Füder disse...

É realmente uma vergonha essa questão do TAC. Um acinte à população e às leis. Ou as leis só valem para os outros?
E nossas autoridades, porque andam tão caladas? Denúncia é o que não falta. Basta que peguem as listas dos terceirizados até o ano passado (é fácil, elas foram publicadas na internet e muita gente as tem) e compará-las com os nomes desses novos contratados.
O que a população espera é uma atuação mais efetiva de nossas autoridades.

Armandão:. disse...

A Dona Coisa Publica.

Em não se tendo comando, vira roça sem porteira !
Em não se tendo escrúpulos vira curriola !
Em não se tendo orgulho, vira excracho !
Em não se tendo honra, vira esculacho !
Em não se tendo dono, vira casa da mãe Joana !
Em não se tendo dona, vira esta zona !

Anônimo disse...

A saída é o aeroporto.Para os medrosos a BR 101 é a solução

Anônimo disse...

Para refletir:

Algumas pessoas demonstram tanto respeito por seus superiores que não sobra nenhum para elas mesmas!

Mariana Arêas

Anônimo disse...

Quanto ao cavalo... bem, animal aprende por condicionamento.O problema é quem está montando o cavalo que tem vícios bastante arraigados e cristaliozados para serem combatidos!!!

Anônimo disse...

Vcs estão "achando","pensando"que o NEPOTISMO vai se resover com terceirizações??????????????????
Já está resolvido com a FUNDENOR,há mt tempo.........

Anônimo disse...

Pelo jeito a Súmula 13 não foi cumprida pela Rosa podre. As pessoas que tiveram as portarias sem efeito continuam trabalhando, como será que irão receber? O judiciário ordenou que o concurso do PSF fosse homologado e nada. Só são movimentados os programas de R$ 1,00, que não tem sequer uma legislação explicativa. A única coisa que tenho certeza é que o povo que irá pagar a conta dos programinhas de R$ 1,00.

Poço Gordo disse...

Tâmu fudi...