domingo, 5 de julho de 2009

Joel bafana Santana...

Joel Santana, técnico da Seleção Sulafricana de Futebol, é uma pessoa especial, justamente por ser uma pessoa comum...

Joel troca afetação dos treinadores, por uma simplicidade que chega quase chega a ser ofensiva, em meio a jornalistas-arrogantes, técnicos empolados e jogadores primadonnas...

A personalidade de Joel Santana ofusca a idiotice de galvão bueno, e suas galvãobuenices...Hoje, no Programa Esporte Espetacular, Joel desfilou sua elegante-malandragem, que por mais paradoxal que seja, se legitima e nos provoca admiração porque revela todo o seu sentimento e paixão pelo que faz...

Joel é isso...É como se cada um de nós estivesse ali, com nossos trejeitos, nossos palpites e nosso amor pelo futebol...Nossa improvisação, do tipo que traduz as dificuldades com a língua pela comunicação universal do esporte...Em Joel, a fala errada do inglês, não é uma falta de respeito para com os da terra, ou um descuido com a imagem...É antes de mais nada, a tentativa de falar por si mesmo, mesmo que aos tropeços, para nunca perder a força das palavras, que se diluiria com intérpretes e interpretações...

Joel Santana é um técnico que cai sob medida para dirigir a seleção de um país como a África do Sul...É uma estranha simbiose que nos emociona, no meio de tanta iniqüidade no mundo do esporte bretão...

Parabéns Joel bafana Santana...

2 comentários:

bras disse...

Quando escutei alguns comentários sobre as entrevistas do Joel Santana em ingles, fiquei triste, afinal percebi que as pessoas estão sempre mais interessadas em "tirar um sarro", desculpe os termos, do que reconhecer a humildade e o sucesso das pessoas. Joel, certamente como muito brasileiros, sua vida não deve ter sido fácil e agora aos 60 anos, acredito que seja mais ou menos suas idade, você alcanço o sucesso que tanto correu atrás. Como brasileiro, pouco me importa se teu ingles é bom ou não, mas sim o que é relevante é que você tem o reconhecimento de um povo sofrido aí na África, que tuas palavras soam o que teu coração sente, e que você esteja bem, Vale lembrar que os intelectuais brasileiros, os craques na lingua inglesa aqui no Brasil, muitos deles, não tem 1% da tua sinceridade, humildade e certamente sentimento de cidadão brasileiro. Valeu Joel, sucesso e parabéns pela determinação. Abraços.

claudiokezen disse...

Concordo com o comentário. O Joel com a sua "malandragem", na verdade passa autenticidade.