segunda-feira, 6 de julho de 2009

Quem ama, cuida...!

Junto com religião e futebol, há um tema que suscita inflamadas paixões e acalorados debates: os animais de estimação...

Aqui, mais uma vez, a confusão entre os limites da esfera privada e pública se confundem, e fica difícil estabelecer um debate para que políticas públicas sanitárias preservem o direito a criação de animais de estimação(mais notadamente cães e gatos)e a necessidade de garantir a segurança sanitária de toda a população, e também dos animais...
A face mais dramática desse debate são os acidentes com cachorros agressivos, como pit-bulls, e rottwelleirs...
Mas o risco não se resume a essas questões...Cães e gatos são hospedeiros de vetores letais para a raça humana, como raiva, toxoplasmose, etc...
A superpopulação desses seres é um porta aberta para o surgimento de epidemias e pandemias...
O superpovoamento de cães e gatos é resultado de uma cultura de desleixo e abandono, onde os homens "descartam" esses animais assim que deixam de ser "novidade", ou quando a beleza torna-se incômoda e mau cheirosa, pois animais comem, cagam, ficam doentes, precisam de exercícios, consultas, e toda a sorte de cuidado e gastos...

Assim como jogamos nosso lixo pelas janelas dos automóveis, estacionamos sobre as calçadas, como sonegamos impostos e furamos as filas, atribuímos a todos os outros os ônus pelo nosso desejo de ter um animalzinho de estimação...

Não sei o número certo, mas o Brasil é hoje, de acordo com a OMS o país que tem um dos maiores números de cães para cada grupo de cem mil habitantes...

Em tempos de mutação de vírus, onde porcos, aves despontam como transmissores de cepas letais a nossa imunologia, é bom começar a prevenção em relação a outros animais...

Recebemos de Portugal o comentário sobre o blog:
Esterilização Obrigatória disse...

Se gosta do seu animal de estimação esterilize-o por favor, o Controle Populacional é muito importante.
Mais informações em: http://esterilizacao-o.blogspot.com/


Em nossa cidade temos o Hospital Universitário da UENF, que bem poderia desencadear uma campanha semelhante...

7 comentários:

Anônimo disse...

Como tocou nesse assunto, gostaria de alertar aqui a todos que tem um cão em casa e cuida dele com carinho, que está maior andaço da doença do carrapato e perdi meu cão por esse motivo deixando toda a minha família triste e desolada. A veterinária me disse que em cada 100 cães doentes que fazem exame de sangue 80 estão contaminados com a doença, em uns se manifestam rapidamente dependendo da imunidade do animal e em outros demora mais um pouco, mas o certo é que para sabermos se está infectado com a doença só através de exame de sangue que em veterinária é + ou - R$ 29,00 e na UENF é grátis. Quem tem um animal de estimação sabe como é difícil perder um bichinho que só tras alegria sem cobrar nada em troca, só carinho e amor e um pouquinho de ração na hora certa é oq ele precisa, mas não cobra. Abçs

Flávia disse...

Pois quem vai pagar de RS200,00 a 300,oo para castração?Isso de gato!. O CCZ fazia de graça, mas ha séculos parou com esse serviço, quero dizer há mais ou menos 6 meses!!A UENF, é um hospital escola que cobra por qualquer serviço lá prestado!!

Anônimo disse...

Perdi meu cão em uma veterinária e a mesma não tinha onde incinerá-lo e pediu para que eu o fizesse, claro que nem sei onde se faz isso e muito menos onde enterrá-lo, já que moro em apartamento. Curioso perguntei como eles fazem com o lixo "hospitalar", ela me disse que enterra em um terreno, duvido que isso aconteça diariamente, mas depois me veio as dúvidas maiores, como fica essa cidade cheia de lixos provenientes de veterinárias....qdo as enchentes aparecerem nessa cidade? Referente ao meu cão.....eu falei que de lá não sairia com ele e que eles deveriam avisar com antecedência sobre o fato de não se livrarem de nenhum animal, mas tive sorte de alguém que estava lá no momento e se ofereceu para incinerá-lo. Quanto a castração....ano passado castrei uma gata gratuitamente e fui muito bem atendido pelas pessoas que lá estavam na época.

Flavia disse...

Cremação tb era feita pelo CCZ, e tb já castrei gatos lá, mas hj não fazem mais(sem verba). Quando morreu minha cachorra, o CCZ informou que o forno está quebrado e não poderiam pegar meu animal.

Anônimo disse...

Mas estão reclamando de que? Ela não disse que seria o governo da mudança, pois aí está....mudou para pior.

Anônimo disse...

Xacal, amigo desconhecido, todavia, pelo que escreve e publica, amigo é, e de fé!

Quando é que poderíamos esperar do ser humano alguma atitude diferente? Pois, se nem com o seu mais próximo semelhante, o humano, ora bolas, êle se sente tocado?!.

Li outro dia, um dizer tão sensível quanto o é esta raça de animais, que há milênios tão confiante aceitou a nossa companhia e mando: "o cão, é de fato um anjo disfarçado, para nos ensinar que é possível a lealdade"! Se não me engano, é do Quintana.

É...do reino animal...poderosos que nos tornamos...restamos mal!
Luciana Portinho

Anônimo disse...

Eu tenho cachorro e ele já se tornou um membro da família, só quem tem um animalzinho de estimação entende isso!