sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Pau que nasce torto, morre torto...

Quando surgiu, fizemos silêncio...Sinceramente, esperávamos uma mudança...Para o bem do jornalismo...

Mais eis que tudo continua a mesma coisa, agora sob nova roupagem, e pior: que já apresenta a trama dos fios puída, como se exposta as imtempéries da falta de conteúdo, e habilidade para manusear uma ferramenta tão importante como a internet...

Apesar das loas tecidas, de "forma insuspeita e imparcial", por um dos próprios folhas-patrões, a versão on-line do jornal folha de embrulhar peixe podre é um desastre...

As atualizações seguem o ritmo de um paquiderme, tanto na seção de reportagens, como nos blogs...Esses últimos, até que contam com bons textos, mas patinam amarrados pelas impossibilidades de exercerem com liberdade e independência a lavra de assuntos polêmicos, que contrariem os interesses dos donos...Fica assim, insosso...

A tentativa de segmentação dos temas dos blogs, por área de interesse, até que é uma boa idéia, mas falta um liame, uma conexão que amarre os fios soltos, que, enfim, costure esse monte de retalhos em uma colcha...

Infelizmente, ainda não será dessa vez que Campos dos G. contará com a instantaneidade e capilaridade da rede mundial, aliada com bons debates e interação dentro de um meio de comunicação tradicional...

Um rotundo e tremendo fracasso...Os folhas só abriram uma outra "janela" para o próprio quintal...

Como já dissemos, em outra oportunidade, o problema dos folhas é de conteúdo, não importa sob qual forma se apresentem...


Nenhum comentário: