terça-feira, 25 de agosto de 2009

Imobiliária Governo do Estado S/A...II

Bom, com o decreto que transformou uma enorme área no entorno do Porto do Açu, em "utilidade pública", conforme falamos aí no post debaixo, o governo do Estado do Rio de Janeiro assumiu de vez seu papel de imobiliária a serviço dos interesses do Eike Batista...

É lógico, sabemos todos que o dinheiro público não é "fêmea", logo, não "dá filhotes"...Se sobra para uns poucos, falta para outros tantos...Esses tantos são os contribuintes/eleitores e os servidores...

Uma historinha para ilustrar como o Governo Cabral já definiu suas prioridades, e nesse caso, a segurança pública não é uma delas...

Hoje à tarde, chegou-me uma informação preciosa...

Em um curso na cidade do Rio de Janeiro, reuniram-se peritos criminais e da capital...Do interior foram enviados dois de cada posto de perícia técnica, os PPTs do ICCE(Instituto de Criminalística Carlo Éboli)...

Tratava-se de um treinamento de manuseio de Luminol...Para quem não conhece, Luminol é uma substância líquida que detecta a presença de sangue humano, ainda que em superfícies que foram lavadas, quando o objeto da análise é exposto também a luz violeta...

Vibraram os servidores, pois enfim, esperavam poder contar com o material que só conhecem da televisão, de seriados como CSI...Todos esperavam, ao final do curso, receber seu "kit" com material para atuar em campo, caso necessário...!!!

Qual nada...era tudo um "roteiro barato"...Só o curso, e blá-blá-blá...Nadica de nada de material...
Os instrutores disseram que o Governo do Estado não adquiriu Luminol algum, e que cada um dos servidores, se quisesse, que "se virasse", aliás como em tudo nas Polícias...desde cadeiras das Delegacias até a conservação de viaturas...

Como se não bastasse, o ICCE do PPT em Campos dos G., está sem máquina de imprimir laudos e fotocopiar documentos há dois meses....Não há tonner...

Bom, já que o dinheiro do Eike parece que vem do Erário mesmo, sob forma de doação de terrenos, sugerimos que os servidores do ICCE requeiram o material com ele, o barão de SJB, que ao que parece é destinatário privilegiado do dinheiro do contribuinte...NOSSO DINHEIRO...!!!!

Depois os moradores de SJB comemoram doações de viaturas à Polícia local...Pobres almas enganadas...Com a "mamata" da doação da área para tocar seus negócios, ele teria que sustentar a Polícia local por uns 40 anos...

2 comentários:

Anônimo disse...

Ele, com certeza é resultado da reorganização do capitalismo brasileiro realizada no governo Fernando Henrique Cardoso que enfraqueceu o Estado e fortaleceu o mercado. Foi no governo de Fernando Henriqueque houve quebra de monopólios, venda das empresas estatais que surge a figura de Daniel Dantas e outros empresários como Eike Batista. Esse é o verdadeiro neoliberalismo!

Anônimo disse...

Eike Batista aumentou a fortuna, em dois anos, de 1,6 bilhão para lá de 16 bilhões.
Daniel Dantas, sócio de Eike Batista, foi uma cria de Fernando Henrique.