terça-feira, 29 de setembro de 2009

Apressado come crú e quente...!

Em política, ensinam os sábios, não há espaço vazio...É verdade...Ausente da oposição, e do próprio espaço que amealhou junto a sociedade campista, por motivos que já discutimos aqui, o PT corre o risco de queimar etapas, no afã de recuperar o tempo perdido...

Se não há espaço vazio, também é certo que dois corpos não ocupam o mesmo lugar, ao mesmo tempo no espaço...Logo, prudência e trabalho não rimam com voluntarismo e autoritarismo...

Assim me pareceu a declaração da professora Odisséia em adiantar que, possivelmente, será candidata a prefeita de Campos dos G., no próximo pleito...

Primeiro, é um desrespeito a memória do extinto vereador tentar utilizar sua trágica morte como plataforma sentimental no eleitorado...E olhem que como seu adversário, não sou eu quem deve zelar por essa memória...Ao menos, não deveria...

Seus desejos pessoais de poder, do vereador, foram para o túmulo com ele...Não havia garantia, nenhuma, de que seu desejo pessoal se transformasse em desejo político do partido, ainda que o partido se ressinta, justamente, de alguém com essa disposição...Mas a expressão desse desejo, por ele, ou, agora por ela, é prematuro...

Primeiro é preciso fazer oposição, construir um campo político em torno dessa idéia(e dessa necessidade), construir laços políticos para além das vontades pesonalistas, e quem sabe aí, lançar uma candidatura...Lembremos que em 2008, nenhum desses nomes se colocou com tanta disposição para a tarefa, embora houvesse uma enorme demanda social para isso...Se é preciso respeitar essa decisão política de então, também é necessário que esses quadros respeitem o "tempo" partidário para "aceitá-los" como portadores de uma "bandeira" que rejeitavam, até bem pouco tempo...

Ou alguém nesse partido é candidato de si próprio...?

Pareceu-nos que a recém vereadora cedeu aos apelos midiáticos, que andam sôfregos para criar dificuldades para venderem facilidades...A professora Odisséia não precisa do grupo folha de embrulhar peixe podre para legitimar seus desejos políticos, e a instância correta para mediá-los não é a mídia...É o partido, como aliás, cobra a vereadora, sempre que pode, e com toda razão...!!!

Nesse momento que o PT enfrenta seu momento de eleições internas, com a possível definição do futuro da legenda, essa passo apressado atropela o diálogo, e a construção do consenso desejável...

Uma coisa de cada vez...

É preciso paciência para elaborar uma plataforma política confiável, que demova a sociedade de julgar o recente passado petista, aliado ao que de pior existe na política local...

A professora Odisséia é, e pode ser muito maior que essas "armadilhas" que tentam enredá-la...

Ela não pode ceder a tentativa de imolá-la em público pelas escolhas que fez...Mas tampouco, pode usar "um figurino de candidata à todo custo" que parece apertado, pelo menos por agora...É preciso perder "algumas gordurinhas arnaldistas"....

Bom, pelo menos essa é minha esperança...que ficou, confesso, mais abalada desde ontem...

11 comentários:

Thiago Viana disse...

Xacal:

Aqui em São Francisco de Itabapoana o PT, também, deve agir conforme os princípios transfundidos por você.
É necessário que o PT, no Norte Fluminense, atue como o PT de outrora, ou seja, começando do zero, lançando candidaturas sóbrias para marcar posição e ideologia. No Norte Fluminense o PT não cresceu como no resto do Brasil.

Anônimo disse...

Concordo contigo, Xacal. Foi a mesma sensação que tive.
O primeiro passo que Odissea deveria dar, é no sentido de abrir diálogo com o partido em Campos, visando transformar a sua passagem pela câmara num projeto do pt, a serviço da população. Dar visibilidade ao partido como uma forma diferente de governar, resgatando sua participação nos movimentos sociais de forma a agregar. As próximas eleições podem ter desdobramentos bastante promissores, se a "companheira" se despir das vaidades e buscar entendimento com o partido aqui.

Anônimo disse...

Para mim, que não tenho partido político, o maior problema é ela ter sido contaminada com a maldição arnaldista, que não é melhor e nem pior que a maldição cor de rosa.
Nascimento Jr
nascimento.jr@bol.com.br

Anônimo disse...

Como disse um dia um craque milionesimal, "A Odisséia mal chegou no ônibus, já quer sentar à janela". As últims companhias e campanhas não lhe dão ainda essa prerrogativa. Menos, Odisséia, menos..."

Anônimo disse...

MELDELS, como o olho cresce com o PODER, nem bem mostrou a q veio jah declara ser candidata...ainda bem q querer eh uma coisa, poder eh outra...

Anônimo disse...

Como todo trabalhador(a) experiente existe aquele ponto negativo que é muito pior nos políticos, são os vícios, que já estão aparecendo muito prematuramente.

Anônimo disse...

Cala a boca, Odisseia!!!!

Alô Mulher! disse...

Aos companheiros e companheiras,é preciso deixar claro que a Vereadora Odisséia não disse que seria a candidata,mas que seu nome,com a morte prematura do companheiro Renato Barbosa,seria a opção natural do partido para as próximas eleições,não afirmando com isso, que é essa a sua decisão final .Com a sua experiência política,seu senso de ética e responsabilidade ela sabe que o que é preciso por hora é trabalhar e honrar a cadeira que agora assume em nome de todos que lhe confiaram o voto e para toda população campista que ela tanto respeita e que muito necessita de um representante de sua categoria.

Xacal disse...

bom, vamos ao debate, Alô Mulher:

fala ruim,pois nem o vereador extinto era um "nome" incontestável dentro ou fora do partido, ainda mais pela sua postura vacilante e anódina...

se a Odisséia não falou o que disseram que falou, onde está o desmentido, ou "explicação" no "veículo" que a divulgou...?
não vi, não ouvi, nem li...

mas coloquemos "esse pequeno deslize" como um "deslumbramento" pela assunção da cadeira tão sonhada...

um abraço, e obrigado por contribuir com o debate...

Anônimo disse...

Vc é realmente uma pessoa despresível,quem é vc?cala a boa!

Xacal disse...

"eu sou a mosca, que pousou em sua sopa;
eu sou a mosca que chegou pr'á lhe abusar(...)"

bom, caro comentarista, satisfeita sua curiosidade, faça o mesmo e satisfaça a nossa: o que você acha da atitude da vereadora, dê a sua opinião...? tem alguma...?

grato...