quinta-feira, 8 de outubro de 2009

O "império" contra-ataca...

Frustrados e raivosos, após serem desmascarados, vergonhosamente, em todos os episódios recentes, no que diz respeito ao governo(crise econômica, escolha do Rio como cidade-sede, e a crise hondurenha), o PIG e seus canalhas diplomados de coleira, continuam seu cerco...

Arrumaram mais duas "gigantescas crises", e sobre elas, manipulam a realidade, escondem os fatos, e cumprem sua tarefa de servir de oposição, uma vez que os partidos credenciados para tanto, batem cabeça, atolados em suas próprias deficiências, desprovidos de qualquer realização recente, pelo país, e pelo povo, que possam defender...

Sobre o vazamento da provas do ENEM, já escolheram um culpado: o governo...Tudo bem, é fato que a escolha de terceirizar um processo dessa magnitude deve ser questionada, mas sobre isso o PIG cala, e por que...? Justamente porque a empresa responsável pelo vazamento é uma "co-irmã", nesse caso a gráfica é do grupo folha, da família frias, ou os ditabrandas...
Antes de qualquer conclusão das apurações, a mídia já prolatou sua sentença...

Junte-se a essas "matérias" a imagem de jovens em pânico, onde até arrumaram uma "representante estudantil", tudo sob encomenda da pauta do JN...Na tradição mackenzie-CCC...

No outro flanco da bancada JN, vem a crise do MST, que reacendeu os ânimos investigativos parlamantares, recolocou no palco o agroboy caiado, e até arrancou do ministro do pmdb, uma desastrada declaração, que criminaliza o movimento sem-terra...
Alguém precisa lembrar ao ministro que o governo não refém do agrobusiness...

O que o PIG, em sua sanha conservadora, esquece o óbvio: se invasão de terra é crime, por que os donos da CUTRALE até hoje não foram processados por invadir terras da União...?

Tudo isso, ilustrado por "imagens" de bens e patrimônio, supostamente, depredados...Diante de tanta manipulação, a pergunta:
Servirá o "inventário" do prejuízo como "prova" para o suposto dano e furto, ou prevalecerá a exigência legal de que tais provas sejam produzidas pelos órgão técnicos periciais policiais...?

15 comentários:

Gustavo disse...

Tudo bem que estamos cercados por globo e record (sem saber qual é pior..) mas não achar nefasta uma invasão de terras produtivas é no mínimo fechar os olhos..

Alias, está mais que provado que o agrobusiness (como vc mesmo diz) é que mais contribui com o governo (veja os impostos, veja quem contribui com a balança comercial positiva). Compare a média produzida por m2 de uma fazenda/empresa séria, com a média de qualquer assentamento realizado, é até covardia...

Entretanto, sei que não podemos fixar apenas no negócio, a questão é bem mais complexa que simples números, mas convenhamos né, o mst perdeu o rumo a muito, muito, muito tempo...e hj só serve pra apoiar o governo, assim como outros grupos sem sentindo, como une, ubes, etc..

sds

Xacal disse...

Gustavo, obrigado pela oportunidade do debate, então vamos lá:

1.não sou eu quem diz, é nossa Constituição: que a propriedade deve cumprir sua função social, ou seja, não basta dar lucro, é preciso saber lucro de quem e para quem...
2.os critérios de produtividade as quais você se refere são relacionados a que tipo de produto pretende-se produzir...veja que, em média, 50 a 70 % da suas dieta básica(feijão, ovos, leite, verduras, etc)é produzido em pequenas propriedades, sem mencionar que são os grandes empregadores, pois ainda não contam com a mecanização desempregadora...é certo que nessas pequenas propriedade, o nível de aproveitamento do solo não se compara a dos latifúndios produtores de commodities...mas também não se comparam os recursos disponíveis a uma e outra modalidaede...enquanto aos pequenos sobram as intempéries, durante séculos, os latifúndios(ainda que produtivos)sugaram os recursos públicos(crédito e susbsídios), inovação tecnológica, etc, etc...
3.mesmo assim, é preciso reconhecer a enorme contribuição dos grandes produtores a nossa balança comercial...no entanto, é preciso dizer que um sistema fundiário mais justo, e uma estrutura agropecuária diversificada, onde co-existem grandes, médios e pequenos, é que é desejável...
4. a criminalização dos movimentos pela terra(veja que não existe apenas uma denominação, e uma só orientação, como a mpidia simplifica), não ajuda, na medida que essa criminalização além de não funcionar(a não ser para tronar mais tensas as relações já explosivas)só atinge um dos lados, pois os mandantes de morte, os invasores de terras públicas(como pe o caso da Cutrale), os grileiros, cartórios falsificadores de registros, etc, nunca são processadosn pelos seus feitos.
5.o problema é que a invasão de terra é apresentado como "causa" do problema...não, gustavo, ela não é: ela é a conseqüência indesejável e violenta para um conflito ainda não resolvido: 10% de pessoas são donas de 80%das terras do país, sem falar das "invasões" e grilagem de terras públicas...
6.os conflitos e contradições do mst, e de todos movimentos sociais devem ser tratados politicamente, por eles, e por nós, a sociedade...são problemas políticos, inerentes a democracia...não são problemas de polícia...

7.enfim, para sua informação: não há, hoje, dentro do mst uma "adesão" ao governo, como se prega...muito ao contrário, hoje o mst e outras denominações lutam para avançar sobre os limites da política fundiária do atual governo, que aliás é uma questão que eu penso, não foi enfrentada como deveria...mas isso, é outro debate...

obrigado...e um abraço...

Anônimo disse...

Os falsos morlistas do PIG não dizem é que a gráfica Plural é uma gráfica da Folha de S.Paulo. O diretor da Gráfica havia dito que a segurança é rigorosa na gráfica e que os funcionários eram revistados na saída do trabalho para certificar-se de que não levavam nenhum material impresso. Pois bem, os ladrões não só roubaram diante do nariz do sistema de segurança da gráfica, mas também meteram as provas na cueca e passaram pela revista da saída. Porque a Polícia Federal não indiciou a gráfica da Folha por negligência? Porque o PIG sequer menciona o nome “Folha de S.Paulo” enquanto tenta escandalizar esse assunto para atribuir culpas ao governo federal?

Anônimo disse...

Os falsos morlistas do PIG não dizem é que a gráfica Plural é uma gráfica da Folha de S.Paulo. O diretor da Gráfica havia dito que a segurança é rigorosa na gráfica e que os funcionários eram revistados na saída do trabalho para certificar-se de que não levavam nenhum material impresso. Pois bem, os ladrões não só roubaram diante do nariz do sistema de segurança da gráfica, mas também meteram as provas na cueca e passaram pela revista da saída. Porque a Polícia Federal não indiciou a gráfica da Folha por negligência? Porque o PIG sequer menciona o nome “Folha de S.Paulo” enquanto tenta escandalizar esse assunto para atribuir culpas ao governo federal?

Anônimo disse...

Essa “crise” do ENEM tá com pinta de Riocentro…

Anônimo disse...

É hora de ocupar as tribunas, perseguir, punir, investigar quem está por trás dessa sabotagem. Não contemporizar com quem não tem escrúpulos de prejudicar milhões para criar um fato político que visa somente favorecer a oposição.
Fernando Haddad, é hora de jogar pro tudo ou nada.
ESTÁ NA CARA QUE CRIARAM ESSE FATO!

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

E vem ai a volta da CPI do MST. Mais uma tentativa de golpe.

Xacal disse...

o comentário em caixa alta foi removido, conforme os avisos do editor...

caso o texto seja remetido em caixa baixa, garatimos sua republicação...

caixa alta=grito...

grato, e obrigado pela comreensão...

Anônimo disse...

Graças ao ENEN e ao presidente Lula estou terminando uma faculdade de 2.000 reais por mês. Espero um dia poder contar para os meus filhos que tivemos um presidente que realmente se preocupou com os menos favorecidos. Graças a ele vou ter uma vida bem melhor do que tiveram meus pais!

Anônimo disse...

Me dá nojo a incapacidade do Governo de se defender.
O Governo do Estado de SãoPaulo está usando da maxima "complacência" para esvaziar o ENEM, retirou a Unicamp, USP, etc.
O esforço da imprensa para desmoralizar o Governo de todas as formas é tão enorme que decidi: NUNCA MAIS VOTAREI NO DEM E NEM NO PSDB. Já votei antes, mas só fiz porque não sabia como eles eram. Já acreditei na Globo também, mas só quando não sabia que ela é um partido político mais podre que os demais.
É inacreditável ver como os deputados federais oposicionistas estão absolutamente inconformados com tanto êxito de Governo Lula. O Brasil deles sempre foi rico, mas eles não esperavam que o Brasil dos pobres melhorassem tanto.

Anônimo disse...

Gostaria de escrever algumas palavras, porém nada, nesse momento, chegaria "aos pés" do texto do anônimo "8 de Outubro de 2009 12h10min". Parabéns! Penso da mesma maneira.

Anônimo disse...

Nunca fui PT, e não votei em Lula, mas contra fatos, não há argumentos, sem dúvida o presidente Lula está fazendo um excelente governo, espero no futuro ter a oportunidade de dar meu voto a esse homem admirável!

Anônimo disse...

"O melhor ministro do Exterior do mundo", afirma a Foreign Policy. Para os basbaques lerem e não continuarem achando que o Brasil errou na política exterior com Honduras e os golpistas locais.

http://rothkopf.foreignpolicy.com/posts/2009/10/07/the_world_s_best_foreign_minister

Anônimo disse...

Viva Lula!
Essa história se sumiço de prova do ENEN é muito estranha.
Vender prova pra jornalista...
Sei não...
Aí tem golpe, pra prejudicar Lula.
Depois da história da Lina, etc, tudo é possível!
Abraço
Péricles