sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Mais um palpite...

Por que não transformar o Monitor em jornal-escola...Vinculado a um instituição de ensino...Algo como a rádio educativa, desde que não cumpra esse papel nefasto de chapa-branca...???

Creio que os sindicatos, associações de classe(OAB, AIC, etc,etc)poderiam fazer parte do conselho editorial, junto com os jornalistas-cooperados, e um conselho municipal de comunicação social...

São palpites, apenas palpites de um mero leitor...

6 comentários:

Anônimo disse...

Bom dia, Xacal!
Acredito que este seu palpite (muito bom, diga-se de passagem) é louvável e, principalmente viável. Temos rádio "Educativa", TV's experimentais para os não-formados, enquanto os universitários são explorados nas redações de jornais, aprendendo, verdade, mas tb sacrificando muitas das vezes a sua vida acadêmica e seu nome. Um jornal-escola seria interessante desde que, como vc destacou, sem fins lucrativos e com regulamentos rígidos que impeçam a vulnerabilidade do meio por conchavos econômicos e políticos, inevitáveis e descaradamente praticáveis em cidades do interior.
Abçs

Bernardo disse...

Todas as duas idéias que você deu são viáveis. Esta última tem que convencer o atual dono.

Claudio Kezen disse...

Essa é uma boa idéia, Xacal. Poderia funcioner com um pouco de boa vontade.

Anônimo disse...

Que tal ser comprado pelos blogueiros "vermelhos de ódio" do PT.
Ai muda o nome para monitor to nem aí para monitormensalão.

Fátima disse...

A sugestão é boa. Contudo, como ficaria a situação dos funcionários que lá trabalham? Não estão mais na categoria de estagiários. Muitos são profissionais com longo tempo de carreira. No quadro da Rádio Educativa, por exemplo, a maioria é de alunos. Meu abraço e parabéns pelo seu apoio no encontro de uma solução ao impasse que atualmente vive o nosso Monitor Campista.

Flávio Mussa Tavares disse...

Xacal, a idéia é ótima e como eu sugeri em meu blog o Monitor Digital, penso que esse diário pode começar digitalmente e depois "ressuscitar na carne".
Abraço