quinta-feira, 19 de novembro de 2009

A TROLha de chuteiras...

A redenção tricolor...

Esse blog é um fã descarado da linguagem retrô, ou de "época", dos cronistas do esporte bretão, da década da primeira metade do século passado...

É além de tudo uma homenagem aos que fundiram essa paixão nacional com a comunicação de massas...Como sempre acontece, no processo que é próprio na "fricção" entre os idiomas, o nosso incorporou os termos que passaram a significar os shoots(chutes), cornerkicks(corner), dentre outros, mas além de tudo a denominação do esporte em si futebol(football)...

Mas é do nosso bom e velho português que os textos rodriguanos nos brindavam com expressões do tipo: Mistérios insondáveis do football...

Só assim, podemos explicar a incrível e emocionante recuperação do Fluminense Footbal Club...Ainda que a posição na tabela do certame brasileiro não autorize euforia, podemos dizer: O tricolor das Laranjeiras recuperou a vergonha e os brios...Não importa o resultado desse esforço...Vale ver o Flu a praticá-lo com afinco...

Em minha casa, território rubronegro, mas antes de tudo, uma casa onde se aprecia o jogo, o match entre o Fluminense e o Cerro Porteño, pela Copa Sul-Americana, valeu cada minuto de insônia...

Desconfio que aí, nessa competição meia-bomba de nosso calendário, que residam parte dos motivos para tamanha recuperação do onze pó-de-arroz...

O match teve todos os ingredientes que dão amálgam a um team, mas que podem ser resumidos em uma palavra: vontade...
Ontem, os 3 a 0 sobre os paraguaios foram o triunfo da vontade tricolor...
Com direito a um goal dos paraguaios, logo de início, que nos revela a evolução do football guarany, que inclusive tem refletido em suas participações nas World Cups...
O goal da classificação foi pintado com as cores do sangue que caiu em cascata do rosto do back Gum...Mais heróico, impossível...

Depois, a pá de cal, quando o Cerro se precipitava todo ao atack: Alan driblou o goalkeeper que se projetara ao território defensivo tricolor, e foi pego se surpresa...

A possibilidade de enfrentar os equatorianos da LDU, aqueles que tomaram-lhes o título da Libertadores, e que iniciaram a "viagem tricolor ao Inferno", acrescenta contornos dramáticos ao desfecho....


Entre lingüiças, toucinhos e outros embutidos de Porco...


E o Palmeiras...???

A imagem do destempero, refletida na decadência de pontos e colocações na tabela que já liderou...
Como explicar a deterioração tão rápida de um ambiente que, aparentemente, funcionava em harmonia...

Ora, porque era uma harmonia efêmera, talhada em sucesso, mas que precipita as vaidades pessoais, quando expostas ao "calor" da derrota...

Uma pista: as declarações recorrentes do goalkeeper Marcos...A desastrada contratação de Vágner "Love", aliás, injustificada, quando Obina reluzia uma fase de rara inspiração, após ter saído do Flamengo...

No match com os gaúchos tricolores, a "panela" explodiu sua "pressão"...

Junte-se o temperamento explosivo e desleal de Diego Souza, com uma pitada carregada de arrogância e prepotência do coach Murici Ramalho, e pronto:

Temos um porco pronto para o abate...

5 comentários:

Celso Vaz disse...

Xacal entende muito de football também!!!!
Ainda estou em êxtase total pelo meu Fluzão.
Sairemos do rebaixamento neste fim de semana e não voltaremos mais.....

Xacal disse...

Parabén a família tricolor, mas nós, urubus, esta semana torcemos, apaixonadamente, pelo estrela solitária...(risos)

Anônimo disse...

MENGOOO !!!!

Os bambis ja estao de mimimi... imagina o jogo SP x Bota ? quem vai chorar mais ??

Vamos mengao, mesmo sem Maldonado...

Foda eh liberar o cara para jogar um amistoso com a Eslovaquia, no meio do nada e ele voltar ferrado...

Flávia disse...

NENSEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE!!!Bjins Xacal!!

Anônimo disse...

Xacal...
Depois os caras reclamam... hehehe

http://img338.yfrog.com/i/spfcorkutpenis0143811.jpg/