domingo, 20 de dezembro de 2009

Feliz ano velho, de novo...!!!

Alguém que passasse todo essa ano fora da planície lamacenta, sem qualquer informação do que acontece por aqui, ou que acordasse, após um ano de coma profundo, teria a exata impressão de que o tempo parou por aqui...

E como diz Cazuza: O tempo não pára...!!!

Então, a repetiçãode fatos que enxergamos, só é possível como uma farsa...

Na verdade não é possível reeditar o telhado de vidro, mas o atual governo de mil patetas, trilha os mesmos caminhos, mas com o fardo do desapontamento da mudança que nunca foi, sequer, pretendida...

Uma leitura do D.O. desses últimos doze meses, com terceirizações, shows, licitações suspeitas, e o programa de passagens a um real, que nada mais é que uma forma de transferir dinheiro a um setor deficitário, sem qualquer tipo de controle factível, os mandos e desmandos, salpicados com pitadas de escândalos pessoais, clones, etc e tal, nos autorizam a dizer que esse ano não foi igual àquele que passou: foi pior, muito pior, uma vez que a plataforma política do atual governo era a superação dessa triste etapa de nossa História...

A manipulação da mídia continua em mesmos patamares, o verbo continua seqüestrado pela verba...Tivemos ainda a tentativa de censura aos blogs, e o fim do Monitor...

Alguns veículos trocaram de lugar, para depois, venderem seus "serviços" como forma de encarecer o "produto"...caolhos da cidade foram os primeiros, o que "acende" a esperança de que novos "acordos" sejam possíveis...Pescocinhos ávidos por novas coleiras não faltam...

No campo da oposição, um desastre...Atados ao passado de terem sustentado o governo mais vergonhoso da História, de alexandre macabro, os vereadores e setores organizados da sociedade civil não conseguiram ir além do papel de bonecos de ventríloquo de jornalixos e, ou atuarem no "varejinho miúdo" das políticas públicas...
Frente aos desafios de impor sua representatividade, no debate sobre as escolhas orçamentárias do governo, da fiscalização e da proposição legislativa(além das moções e indicações), os vereadores ficaram em enorme débito com a população que os elegeu...

Sem mencionar o fato de que o plenário foi ocupado, em grande parte, por debates que davam conta dos "problemas pessoais" dos parlamentares com a Lei...

Some-se a isso tudo o flagelo que páira sobre a cidade, prestes a ganhar mais um novo rótulo pejorativo: cidade de pedófilos...Onde empresários, políticos, funcionários públicos, e tantos outros considerados "gente de bem", nas "colônias sociais" terão suas máscaras rasgadas em público, para o espanto de todos...

Tudo isso, nos remete a marchinha: "Esse ano não vai ser igual àquele que passou"....É, vai ser pior, bem pior...

Um comentário:

Anônimo disse...

Sem dúvida este ano foi pior do que aquele que passou. Lógico, não existe dúvida de que o governo de Alexandre Mocaiber foi o mais corrupto da história, mas alguns serviços, pelo menos, funcionavam. O HGG, um hospital público, não PARAVA, por causa de problemas no AR CONDICIONADO; Existiam remédios nos postos e hospitais para atendimento à população; Todas as escolas tinham diretores; O Procon, orgão de defesa do consumidor, não era chefiado por uma grande empresária; O desemprego era grande, mas não como agora; A secretaria de Administração não era a bagunça que é hoje; Não tinhamos a taxa de iluminação pública; Instituições e representantes da sociedade civil não eram vinculados ao governo; etc.
Acredito plenamente que as terceirizações e o absurdo da forma de repasse para as empresas de ônibus, são também formas de CORRUPÇÃO.